Aplicativo que facilita vida de médicos e pacientes vira referência

O aplicativo Bomédico, idealizado pela empresa potiguar Global Gapps Markerting para facilitar a vida de médicos e pacientes no agendamento de consultas, virou referência no mercado potiguar e já está em expansão pelo Nordeste. O diretor da empresa e um dos idealizadores do app, Rilton Campos, em entrevista a Meio Dia RN, da 98 FM, revelou que em menos de um mês de operação, mais de 50 médicos de diversas especialidades, além de diversos profissionais da área da saúde como odontologistas, nutricionistas e fisioterapeuta já estão cadastrados.

Rilton também destacou que o aplicativo já trouxe resultados positivos para dezenas de pacientes em agendamentos diários. “Nós invertemos o processo. Na nossa plataforma o médico passa a oferecer a sua agenda. Isso permite que o cliente baixe o aplicativo gratuitamente e possa localizar imediatamente aquele profissional que ele quer naquele dia com alguns filtros como localidade, especialidade, subespecialidade e gênero”, completou ao ao afirmar que o aplicativo já está chegando na Paraíba, Ceará e Alagoas.

Ele explicou que o aplicativo foi criado exatamente dentro do contexto de preencher as lacunas dos problemas de longas esperas para consultas. “Normalmente no processo temos que fazer várias ligações para encontrar um médico e, muitas vezes, para uma ou duas semanas depois. Agora, a gente pode pegar o aplicativo e já marcar pro mesmo dia o médico que você quer”, disse.

O aplicativo faz parte de uma plataforma de agendamento e gerenciamento de consultas que tem por objetivo promover uma maior agilidade na marcação, no gerenciamento das consultas e no relacionamento com os pacientes, reduzindo o tempo de espera nas consultas. Entre os benefícios diretos para os médicos estão: a disponibilidade da agenda, aumento na participação do mercado, criação de um canal de relacionamento direto com os pacientes (via atendente), preenchimento e organização da agenda, aumento do número de atendimentos e a redução dos custos administrativos.

Por assessoria

COMPARTILHAR
Artigo anteriorOposição pede fatiamento da 2ª denúncia contra Temer
Artigo seguinteDivórcio completa 40 anos no Brasil
Wallace Maxsuel de Azevedo, 31 anos, graduado em Jornalismo pela Universidade Potiguar (UnP), atua na comunicação desde 2006. Além dos veículos de imprensa também foi diretor de órgãos públicos e Secretário Municipal. Integrante da Pastoral da Comunicação (PASCOM) de Santa Cruz, e membro dedicado da comunicação Católica no RN. Criou o Blog do Wallace em junho de 2009, possibilitando para a região do Trairi um espaço virtual de qualidade e credibilidade. Fotógrafo amador, flamenguista e casado.