Candidatos ao Governo do RN ignoram pré-falência do estado e não falam em cortes

Artigo de Jaime Groff, Delegado de Polícia Civil, Candidato a Deputado Federal pelo Partido Novo

É absolutamente inacreditável o discurso dos candidatos ao governo do RN. TODOS eles abrem a boca para falar exatamente a mesma coisa: VOU INVESTIR nisso, vou RECUPERAR aquilo…

NENHUM, nenhum deles fala de onde vai sair o dinheiro para operar os milagres apresentados. Meus amigos, o Rio Grande do Norte sequer possui condições de pagar o salário dos seus servidores, que há ANOS é quitado em atraso, fora o décimo terceiro de 2017, que não foi honrado na sua totalidade.

Trata-se de um dos estados mais QUEBRADOS do Brasil, dono de um déficit previdenciário que, antes de ser resolvido, inviabiliza qualquer tipo de investimento na infraestrutura básica da máquina pública. Esse é o PONTO MAIS IMPORTANTE dessas eleições e NENHUM dos postulantes fala sobre o assunto de maneira incisiva, apresentando plano de reestruturação do nosso modelo previdenciário.

Meu Deus, será que não existe uma viva alma no jornalismo potiguar para levantar essa interrogação? Será que vão taxar este texto de “fake news”, macaqueando a mídia nacional, acuada que está pela informação que circula nas redes sociais?

Não é preciso ser nenhum gênio para saber que passaremos os próximos quatro anos EXATAMENTE da mesma forma dos anteriores: dependentes de verbas da União para pagamento de salários dos servidores e sem investimentos significativos nas estruturas básicas, como a segurança pública, que vai continuar definhando se não vier ajuda federal.

O elefante está na sala minha gente, vamos continuar ignorando ele até quando?