Hoteis de Pipa ameaçam boicotar site de viagens Booking

Os hotéis e pousadas de Pipa, através da Associação de Hotéis e pousadas da Praia da Pipa (ASHTEP), iniciaram uma campanha, a exemplo da ilha de Fernando de Noronha, para coibir o aluguel de casas e de apartamentos pelo site de e-comerce de viagens Booking.com. O propósito é que essa OTA (Agências de Viagens Online, do inglês Online Travel Agencies) seja exclusiva para aluguel de quartos de hotéis.

A primeira medida que foi tomada pelo grupo hoteleiro, que alega a concorrência desleal com apartamentos e casas de aluguel, foi a exclusão da categoria preferencial junto à Booking. Mas caso a medida não surta o efeito desejado, há ainda a intenção de bloquear as vendas por este canal até que sejam excluídas as ofertas de acomodações em casas e apartamentos anunciadas pelo site.

A ASHTEP conta hoje com 45 hotéis que se somaram à ação, reunindo os melhores da Pipa. As motivações se alinham com os princípios de Fernando de Noronha, preservação e qualidade. “É preciso combater a ilegalidade, estabelecimentos sem licenças, sem registro, sem CADASTUR, muitas vezes até sem CNPJ, alugam quartos através da Booking, é um descontrole e uma falta de ética”, afirma Wanderson Borges, presidente da ASHTEP.

Ele ressalta que a Praia da Pipa é um destino consagrado, com uma beleza natural impressionante, morada de golfinhos e tartarugas, com frequência internacional de turistas. “Há um esforço constante dos empresários locais em realizar um turismo responsável através de recolhimento de taxa de turismo, financiamento de ações de preservação ambiental, realização de eventos de qualidade e contratação de consultorias de nível internacional. Para o turista, ter a segurança de se hospedar em um hotel em que seu gestor se importa com o lugar, é fundamental. Porque, além de garantir a qualidade, contribui para que siga sendo um paraíso ecológico”, afirma o presidente da ASHTEP.

Fonte: Portal No Ar