Igreja Matriz adota medidas de segurança para o momento da comunhão

Quatro estruturas de proteção foram adquiridas pela Paróquia de Santa Rita para proteger os fiéis durante o momento da comunhão eucarísticas. São estruturas metálicas com proteção de acrílico, no único momento em que o público pode ficar sem a máscara para comungar o corpo de Cristo.

É recomendável que não seja dito “amém”, após o sacerdote ou ministro pronunciar “o Corpo de Cristo”. Com essa proteção, a segurança entre os participantes da celebração amplia e garante o reforço das medidas de proteção na reabertura da Igreja Matriz.

Em seu instagram, a Paróquia orienta que fiéis do grupo de risco e com sintomas evitem participar da celebração presencial, podendo acompanhar pela TV Santa Rita, nas redes sociais @paroquiasantaritarn.