PT é a “eterna pedra no sapato” de Ciro Gomes

Apesar de Ciro Gomes dizer que foi contra o impeachment de Dilma e a prisão de Lula sem provas, o PT é a sua “pedra no sapato” desde muito antes destas eleições de 2018. As articulações do PT atrapalharam a formação do palanque de Ciro Gomes, e o lançamento de Haddad derrete a campanha do pedetista.

Não é de hoje que Ciro e o PT não se entendem. Em 1998, ficou em terceiro, atrás de Lula. Em 2002, defendeu a Frente Trabalhista, mas amargou o quarto lugar. Em todos os cenários daqueles anos, os petistas fizeram uma forte campanha contra ele.

Agora, 2018, mais uma vez o PT foi decisivo em sua campanha. Nas articulações dos palanques regionais e nacionais atrapalhou a base de Ciro para as eleições 2018, na sequência, o nome de Haddad pega os votos de Lula e não colocam o cearense no segundo turno.

O PT é uma eterna pedra no sapato de Ciro. Fato!

COMPARTILHAR
Artigo anterior[IBOPE] Índice de Haddad aumenta cinco vezes
Artigo seguinteCresce a rejeição de Bolsonaro e Haddad
Wallace Maxsuel de Azevedo, 29 anos, graduado em Jornalismo pela Universidade Potiguar (UnP), atua na comunicação desde 2006. Além dos veículos de imprensa também foi diretor de órgãos públicos e Secretário Municipal. Integrante da Pastoral da Comunicação (PASCOM) de Santa Cruz, e membro dedicado da comunicação Católica no RN. Criou o Blog do Wallace em junho de 2009, possibilitando para a região do Trairi um espaço virtual de qualidade e credibilidade. Fotógrafo amador, flamenguista e casado.