Sânzia não abre mão da campanha para Jodoval

Os assessores da candidata Sânzia Medeiros (PSDB) já confirmaram que não votariam em Jodoval, numa suposta união dos grupos políticos.

Como é o cenário político?

Jodoval sendo a cabeça da chapa: Parte dos eleitores de Sânzia migrariam para Simone, o que não seria vantajoso. Os assessores afirmam que o atual prefeito apresenta uma grande rejeição.

Sânzia liderando a chapa: Pode conquistar boa parte dos apoiadores, e ainda ganha o apoio dos cargos comissionados, que teriam interesse em continuar num governo Sânzia-Jodoval.

Resumindo… Jodoval leva o seu eleitorado para Sânzia, mas os eleitores de Sânzia não seriam tão simpáticos para votar em Jodoval.

Qual o impasse?

Jodoval é prefeito, tem a máquina pública na mão, e seria vergonhoso desistir da sua candidatura para o grupo do seu vice-prefeito, dissidente que originou e apoiou a candidatura de Sânzia, e era considerada nas análises políticas como a possível terceira colocada.

Em Japi, o cenário político esquenta a cada dia, mas o prazo de validade para a união Sânzia-Jodoval tá chegando.