Kelps Lima afasta polêmica sobre ajuda de custo em viagem internacional

A imprensa local e as redes sociais trouxeram à tona uma publicação no diário oficial da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, que autorizava ajuda custo para o deputado Kelps Lima em viagem para Portugal.

No blog do Flávio Marinho, a publicação mostra que o deputado foi beneficiado pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte com a quantia de R$ 7.200,00, a título de “ajuda de custo” para viajar para Portugal, com o objetivo de receber uma “homenagem” – a Comenda da Ordem Honorífica do Mérito Internacional do Descobridor do Brasil Pedro Álvares Cabral. A viagem ocorreu em 23 de abril.

Em resposta ao Blog do Wallace, o deputado falou que sua viagem foi uma missão oficial, com devida justificativa do gasto. “Fui a Portugal em uma missão oficial convidado para receber uma Prêmio devido à minha atuação parlamentar na Assembleia Legislativa, entre outras coisas, por ser o ÚNICO deputado do Brasil a ter uma aplicativo de celular onde o eleitor pode definir meu voto nos projetos. Sou o primeiro deputado Potiguar a receber essa Comenda, que me foi entregue pelas mãos de uma deputada portuguesa, pelo presidente da Câmara de Belmonte de (cidade onde nasceu Pedro Álvares Cabral) e pelo representante da Embaixada do Brasil em Portugal”, explicou.

Sobre a divulgação nas redes sociais e o desgaste dos comentários, Kelps acredita que no momento político atual é comum divulgação de informações para tentar atingir sua imagem. “Como o momento político brasileiro é muito negativo para a atividade parlamentar, é natural que um ou outro adversário político tente relacionar a homenagem que recebi, e da qual tenho muito orgulho, em fato negativo. Vou continuar trabalhando com afinco para que nosso mandato possa receber reconhecimentos de qualidade como foi o caso dessa premiação recebida em Portugal”, declarou Kelps.

Kelps Lima ficou conhecido por todo o estado numa campanha propondo fazer uma política diferente do que é praticado tradicionalmente nos municípios.

Marcações:

Deixe uma resposta


m4net rodapé