Pular para o conteúdo

Péricles Rocha

Santa Cruz tem a primeira pesquisa eleitoral registrada

Já está no sistema do TSE, uma pesquisa eleitoral contratada e realizada na cidade de Santa Cruz, com o protocolo RN-00056/2024. A pesquisa foi realizada pela CONSULTORIA E PESQUISA TECNICA LTDA / CONSULT PESQUISA, e contratada pelo BG MIDIAS E ASSESSORIA DIGITAL LTDA / BG MIDIAS, o blog do BG, acontecendo a coleta de dados (entrevistas) entre 8 e 9 de abril.

Os resultados já podem ser divulgados a partir da próxima segunda-feira (15), quando entrevistaram 500 pessoas, na zona urbana e rural, com a margem de erro de 4.38% e confiabilidade de 95%.

Na lista de pré-candidatos, refletindo o momento, apenas os nomes de Fernanda Costa (governista) e Péricles Rocha (oposição).

Élcio Pontes para o legislativo. Vice de Péricles está vacante

O blog do jornalista Michael Pontes trouxe com exclusividade a informação que o vereador Élcio Pontes (MDB) será pré-candidato a vereador. Dessa forma, está vacante o vice de Péricles.

Élcio teve o seu nome cotado para pré-candidato a vice-prefeito na chapa de Péricles Rocha. Mas ao mesmo tempo, o nome da sua esposa, Aninha de Cleide, é estudado para vice, bem como o nome da sua sogra, Cleide Araújo, para assumir a cabeça da chapa.

A pré-campanha segue em ritmo acelerado, e deve ter definições nas próximas semanas.

Adailton Soares é pré-candidato a vereador e se filia ao MDB

No início da semana, Adailton Soares tinha confirmado ao blog a sua pré-candidatura para vereador, mas ainda faltava a foto oficial.

Essa foto veio hoje (06), em um encontro na residência do pré-candidato a prefeito Péricles Rocha (MDB), antecedendo um encontro que aconteceu com o ex-senador Garibaldi Filho (MDB).

Adailton já tem experiência nos bastidores da política, agora ele pretende ser o titular do grupo e vai colocar seu nome à disposição na convenção partidária do MDB de Santa Cruz

Cleide Araújo se filia ao MDB e boatos surgem…

A empresária Cleide Araújo se filiou ao MDB nesta segunda-feira (1º). A informação é do amigo jornalista Michael Pontes, que trouxe detalhes de mais filiações.

Também se filiaram ao principal partido da oposição: O genro de Cleide, o vereador Élcio Pontes; sua filha a ex-vereadora Aninha; e o irmão e sobrinho de Élcio, Érico de Souza e Erick de Souza.

Cleide indo para o MDB, partido presidido por Péricles Rocha, encerra uma sequência de alianças entre a empresária e o grupo de Tomba?

Outros boatos que surgem na cidade:

Péricles abriria mão de sua pré-candidatura para Cleide ser a cabeça da chapa?

O empresário Nielmo seria o pré-candidato a vice de Cleide?

Aninha pode ser a pré-candidata do grupo?

Contam algumas fontes, que o grupo da oposição já se reuniu recentemente para avaliar números de pesquisas internas, e discutindo possíveis mudanças e articulações.

Até o final da janela partidária muita coisa pode acontecer… inclusive nada!

Lucas Diego e Alane Costa se filiam ao MDB e são pré-candidatos a vereador

O engenheiro Lucas Diego e a suplente de vereador Alane Costa estão filiados ao MDB, que tem como pré-candidato a prefeito Péricles Rocha. Eles tiveram as fichas de filiação abonadas pelo presidente da legenda.

Alane Costa obteve 215 votos nas eleições municipais de 2020, pelo PCdoB. Este ano ela volta a cena política, permanecendo na oposição, porém em outra legenda.

O engenheiro Lucas Diego tem atividades profissionais e empresariais em Santa Cruz, e manteve ativo uma conta no Instagram com publicações polêmicas e provocativas sobre o grupo governista, e seguiu com a afinidade no grupo de Péricles Rocha e demais correligionários.

Eles se somam a Gilcelly Adriano, Bento Gás e Água, e outros nomes que estão se filiando no MDB.

Gilcelly e Bento se filiam ao MDB

Como o blog já tinha adiantado, o MDB poderia ser a casa da oposição em Santa Cruz, tendo em vista que a composição para vereador seria mais fácil no “partido bacurau”. A presidência do partido ficou com o ex-prefeito Péricles Rocha.

Desde ontem (27), acontece a filiação dos pré-candidatos e apoiadores do grupo. Péricles abonou a ficha da ex-vereadora Gilcelly Adriano e do empresário Bento Lima.

Gilcelly já confirmou sua pré-candidatura, mas Bento ainda não definiu se será pré-candidato. Bento Gás é Água é um empresário que apoia o grupo da oposição de longa data, e já foi eleitor de Paulo César Beju.

Josemar defende união por Péricles e Élcio, mas diz que política sempre têm mudanças

O vereador Josemar Bezerra falou ao blog sobre os últimos fatos da política santa-cruzense. Para o vereador, o nome de Aninha de Cleide, já sugerido pelo vereador Élcio Pontes semanas atrás no blog, é excelente e agrega muito, mas oferece risco.

“O nosso jurídico entende que nem Fernanda e nem Aninha podem ser candidatas. Para os juristas, essas candidaturas são um risco, e nós não devemos correr riscos. Eu, particularmente, defendo os nomes de Péricles e Élcio”, declarou Josemar.

Perguntado se podem ocorrer mudanças, Josemar disse que “tudo é possível”. “Olha, na política pode acontecer tudo. Tudo é possível. Podem ter mudanças sim, principalmente porque estamos longe ainda das eleições, mas eu defendo que sigamos com as pré-candidaturas de Péricles e de Élcio. Sãos os melhores nomes, e eu defendo uma união do grupo nesse sentido”, finalizou.

PSD ganha espaço na oposição de Santa Cruz

A oposição de Santa Cruz teve uma reunião na sexta-feira (15) com Zenaide Maia e Jaime Calado. O encontro assegurou o PSD na oposição, que poderá indicar o nome a vice da pré-candidatura de Péricles Rocha. O ex-prefeito já está filiado ao MDB de Walter Alves.

O encontro da oposição com o PSD abre espaço para mais um partido, que tem ainda o MDB, além da federação PT, PCdoB e PV.

O grupo de vereadores e pré-candidatos a vereadores da oposição poderão formar um grupo para o PSD, ainda a possibilidade do pré-candidato a vice ser também da mesma legenda.

A senadora Zenaide Maia também confirmou apoio ao nome do ex-prefeito Péricles Rocha (PSD), como já fez em outras eleições municipais.

Além do ex-prefeito, participaram da reunião os vereadores Josemar Bezerra, de saída do PL, Marco Celito, de saída do PSDB e Élcio Pontes, cotado para vice na chapa de Péricles, também de saída do PSDB.

Oposição discute qual é o nome ideal para a chapa de Péricles Rocha

Nem precisa conversar muito com os membros da oposição de Santa Cruz para saber que existem defensores de duas possíveis chapas na pré-campanha. Existe um grupo que defende a busca por um nome que traga votos de pessoas e setores insatisfeitos com o grupo governista.

Nesse primeiro grupo, também existe uma linha de defesa a favor de nomes de empresários da cidade. Alguns nomes bem conceituados, entre homens e mulheres. Esse mesmo grupo ou parte dele é simpático ao nome do vereador Élcio Pontes, que para esse setor pode atrair o apoio de Cleide Araújo para uma candidatura antiTomba. Mas esse cenário ainda é indefinido.

Após o Blog divulgar com exclusividade a possibilidade de Élcio ser o nome para vice de Péricles, outro setor da oposição correu para tornar pública a opinião e defesa de um nome ideológico para a chapa da oposição. O apoio é para o ex-candidato a vereador, Ramon Ludovico, do PT.

Esse grupo mais ideológico, defende um nome mais tradicional na oposição, preferencialmente do PT pela presença do partido no panorama nacional e estadual, numa referência a eleição de Lula e reeleição de Fátima.

Ainda há quem defenda buscar novos nomes, e atrair o eleitorado pela surpresa e atualização, saindo da mesmice que domina a política partidária interiorana.

Quando tem definição? O “início do fim” pode acontecer agora entre março e abril, na janela partidária. A “dança das cadeiras” dos partidos políticos e suas filiações vão movimentar os próximos dias do ano da graça de Nosso Senhor Jesus Cristo de 2024, vulgo ano eleitoral.

Parte da oposição quer Ramon Ludovico na chapa com Pericles Rocha

Parte da federação “Brasil da Esperança”, composta por PV, PT e PCdoB, lançou uma nota a favor de uma nova pré-candidatura a vice na chapa da oposição. O movimento apoia o nome de Ramon Ludovico, do PT, para vice do pré-candidato a prefeito, Péricles Rocha.

Em nota, o PV disse que Ramon se manifestou favorável ao seu nome na composição, e parte da federação apoia essa indicação.

Mas conforme o blog apurou, não existe unanimidade. Parte da oposição defendo o nome de Élcio Pontes para vice, outros querem tentar um nome novo, de preferência um empresário com boa aceitação.

Confira a nota:

Péricles Rocha se filiou ao MDB

A pré-campanha em Santa Cruz já tem a largada com as definições dos partidos dos pré-candidatos para 2024.

O ex-prefeito de Santa Cruz, Péricles Rocha, ao lado dos vereadores Élcio Pontes (PSDB), Paulo César Beiju (PL), Josemar Bezerra (PL) e Marco Celito (PSDB), confirmou o seu ingresso no partido bacurau.

A filiação aconteceu na tarde desta quarta-feira (25), em Natal, com a presença e bênção do vice-governador Walter Alves.

Fátima Bezerra volta a Santa Cruz e comanda o Pancadão 13 pedindo votos para Lula

A governadora reeleita Fátima Bezerra (PT) comandou junto com seu grupo político o Pancadão 13, o evento pró-Lula que aconteceu nesta sexta-feira (21), durante a campanha presidencial de segundo turno, em Santa Cruz. Junto com a governadora reeleita, estavam deputados federais e estaduais eleitos, além das lideranças políticas da oposição da cidade e algumas da região.

A movimentação saiu do bairro do Paraíso, passou pelo centro da cidade e foi até o Conjunto Cônego Monte, com um grande público sendo arrastado pelas músicas da campanha petista.

Fátima agradeceu a votação e pediu o voto para o candidato Lula, para que o seu segundo mandato conte com o apoio do Governo Federal.

Confira alguns registros do Blog:

PL de Santa Cruz vai pedir voto de legenda para prefeito

De acordo com algumas fontes, o PL vai pedir o voto de legenda, número 22, para a Prefeitura. O partido não lançou candidatos na majoritária e nem coligou.

Nas redes sociais, os últimos ex- candidatos a prefeito da oposição, Gilcelly e Péricles, pediam o voto para 22.

VOTO NULO

Caso o eleitor decida votar 22, o número de votos nulo para para Prefeito será maior que em outras eleições.

Com a articulação de 2020 “quebrada”, o principal grupo de oposição talvez busque um voto de protesto contra outros colegas de mesmo bloco e contra o atual sistema governista.

Agora é esperar o “abrir” das urnas.

Péricles diz que PL não vai punir dissidentes

“O PL não vai apoiar nenhum candidato a prefeito. Mas não vai punir candidato que vote em qualquer candidato. Porém nenhum candidato poderá fazer parte de nenhum palanque de majoritária”, disse o ex-prefeito Péricles Rocha ao falar ao blog sobre as articulações da oposição nas eleições 2020 de Santa Cruz.

Na noite deste quinta-feira (11), o PL reuniu o Diretório Municipal e pré-candidatos para homologar os nomes para o legislativo, única alternativa para o partido das lideranças da oposição, após total desarticulação. A reunião ocorreu na casa do casal Gilcelly Adriano e Arilson Medeiros.

Os vereadores Paulo César Beju e Dr. Zé Francisco, e o ex-vereador Josemar Bezerra são os principais nomes da “chapa” proporcional, que ainda tem: Ivan de Zé Amaro, Beto Trigueiro, Rita e Raquel.

O blog ainda vai trazer mais informações detalhadas dos candidatos do PL, que buscam manter as atuais 3 vagas na Câmara Municipal.

Foto cedida pelos filiados do PL

Péricles Rocha é o primeiro entrevistado da parceria BW e Santa Rita FM

O ex-prefeito Péricles Rocha (PL) é o primeiro entrevistado do projeto de entrevistas da pré-campanha de Santa Cruz, entre os veículos Blog do Wallace e Rádio Comunitária Santa Rita FM, que começa nesta quinta-feira (13), às 20h.

Os candidatos foram convidados nas semanas anteriores, conforme agenda de cada um e dos veículos, e mesmo com a desistência do pleito de 2020, por parte de Péricles Rocha, a entrevista vai esclarecer a motivação do ex-prefeito no atual cenário político.

A live começa às 20h, nos seguintes canais:

RÁDIO COMUNITÁRIA SANTA RITA FM: https://www.facebook.com/radiocomunitariasantarita/videos/3219585021467335

BLOG DO WALLACE NO FACEBOOK: https://www.facebook.com/blogdowallacern/videos/602825627288647

CANAL DO BLOG DO WALLACE NO YOUTUBE:

https://youtu.be/_oAsy9d6CeA

Padre Vicente é o convidado da live de Péricles e Gilcelly

Na segunda é live da situação, na terça da oposição. Toda semana começa assim!

Nesta terça-feira (11), dia de Santa Clara de Assis, patrona da televisão, o convidado da oposição é do clero.

Padre Vicente é o convidado da live de Gilcelly Adriano e Péricles Rocha, para falar como a pandemia afetou os trabalhos da Paróquia de Santa Rita de Cássia.

Péricles joga a toalha

Péricles Rocha, em sua live semanal com a oposição, fez declarações que claramente “jogou a toalha”. Péricles não é mais pré-candidato a prefeito de Santa Cruz.

“Nós falávamos por telefone, retomamos reuniões e foi evoluindo as conversas. Nossa ideia era que fizesse uma pesquisa interna para escolher o candidato e o vice do grupo. Discutimos que tinha que ser do grupo e consenso entre a oposição, tinha que seguir unida”, explicou Péricles sobre as conversas iniciais sobre a pré-campanha.

O ex-prefeito  viveu duas realidades em suas três eleições à Prefeitura. Em 2008 venceu apoiado por Tomba Farias, já em 2012 e 2019 enfrentou seu primo-deputado e perdeu a disputa, e sabe que a união dos blocos para enfrentar uma eleição é o melhor caminho. “Defendia e sempre defendi candidatura única da oposição. A oposição caminhar para unificação, isso sim”, disse.

Mas o ex-prefeito não detalhou porque essa articulação falhou. Não contou o santo, mas falou do milagre. “Começou a aparecer alguns percalços, apesar de continuar se reunindo. Dissidências e surgindo candidatos dentro da própria oposição. Alguns partidos estão bem divididos, e andei conversando com os pré-candidatos, falei sempre na unidade. Eu ainda hoje continuo brigando para isso, a unidade”, defendeu.

Péricles revelou que existe uma discordância grande no grupo, e que sua família pediu para não ser candidato. Ele sofreu pressão para decidir sua candidatura. “Até esse momento não convergiu para isso, e tem muita discordância dentro da própria oposição. Conversei com minha família, irmão, esposa, filhas, e fiz uma enquete no WhatsApp com os amigos e pedindo opinião. Sofri pressão dos partidos para que tomasse uma decisão, e eu sempre dizendo que precisava de unidade”, relevou.

Por fim, Péricles decidiu desistir da sua pré-candidatura: “Diante dessa posição e dessa pressão, e tinha que ter tempo para trabalhar a campanha. Depois de consultas e conversas, todos diziam, principalmente a minha família, que eu não deveria ser candidato. Todos me aconselharam a não sair candidato”.

REUNIÃO DA DISCÓRDIA

Uma famosa reunião da oposição que foi amplamente comentada nas redes sociais aconteceu de fato, e Péricles comentou sobre ela. “Sexta-feira passada [pela referência da data foi 24/07] fiz uma reunião, e diante disso decidi retirar minha candidatura e deixar os partidos reunirem e encontrar um outro nome”, confirmou Péricles.

Mas esse afastamento da candidatura não impedirá dele fazer campanha com a oposição, foi o que ele mesmo declarou: “Vou estar junto para apoiar a campanha, mas diante disso tudo, eu achei melhor não ser candidato. Espero que todos entendam a minha posição. Não é fácil. Nós pensamos em fazer um gestão com responsabilidade, valorizar cada centavo do dinheiro publico, e resolver problemas que achamos na administração atual”, finalizou.

Marcos Lima na Live da prefeitura será a confirmação de um apoio político?

Perguntar não ofende…

Mas e essa aparição de Marcos Lima na Live da Prefeitura de Santa Cruz na próxima segunda-feira (03), o que será?

O médico cardiologista já foi candidato a vice-prefeito ao lado do oposicionista Péricles Rocha e apoiador do ex-prefeito na última eleição suplementar.

Claro que o assunto será a pandemia e aproveitar a larga experiência do profissional, sobretudo, em leitos de UTI. Mas será que esse convite não surgiu para também selar um apoio político? Não seria uma aparição para que, de forma subliminar, o apoio ao projeto de reeleição do prefeito Ivanildinho seja oficializado?

Marcos Lima e Ivanildinho são primos de primeiro grau e, mesmo caminhando por lados distintos na política, sempre tiveram uma boa relação. Inclusive, se encontraram recentemente em fevereiro, no veraneio antes da quarentena.

Enfim, perguntar não ofende… ou ofende?

Os possíveis pré-candidatos da oposição

Quais nomes tentam viabilizar seu nome para uma candidatura na oposição?

Muitos são os nomes que aparecem no cenário, conheça os principais líderes e alguns que foram ou podem ter sua foto aparecendo na urna eletrônica em novembro deste ano.

PÉRICLES ROCHA: Um nome tradicional que rompeu com Tomba Farias em 2011, já foi candidato contra o grupo do primo-deputado em 2012 e 2019. Nas “análises” internas (ou externas também) é o nome mais bem avaliado para uma disputa eleitoral.

GEAN PARAIBANO: Um dos ferrenhos opositores do grupo Tomba-Ivanildinho, antes de 2018 era aliado do grupo e votava a favor dos projetos da ex-gestão Fernanda Costa. Foi o principal líder da oposição após a cassação da ex-prefeita, e o nome mais ativo atualmente no grupo da contra Ivanildo.

NIXON: Preside o Partido dos Trabalhadores e já integra a oposição há anos, busca reunir apoio da oposição mais tradicional a Tomba Farias.

PETRÔNIO SPINELLI: Talvez seja o nome mais conhecido ao lado de Péricles Rocha, o atual secretário adjunto da saúde do RN era um nome muito cotado até os prazos de afastamento do serviço público serem vencidos. Ainda tem muito prestígio na oposição e é o nome mais ligado a Fátima Bezerra na política local.

MÁRCIO CAVALCANTI: Foi candidato a deputado federal pelo Rede Sustentabilidade, nas eleições gerais de 2018. Tem se posicionado contra a gestão municipal em vários pontos e pode ser um novo nome para o grupo oposicionista.

PAULO CÉSAR BEJU: Principal nome da oposição no bairro Paraíso, foi candidato a vice-prefeito na eleição suplementar de 2019, mas tem fortalecido seu nome para candidatura ao legislativo.

JOSEMAR BEZERRA: Sempre é um nome cotado para o executivo desde 2008, quando o grupo de Tomba negou uma possível vaga de vice na chapa com Péricles, sendo ocupada por Joca Ferreira. Josemar permaneceu no grupo até 2011, quando acompanhou Péricles no rompimento com Tomba. Josemar foi candidato a vice de Gilcelly Adriano, em 2016, mas foi o coadjuvante da maior derrota da história da oposição de Santa Cruz.

GILCELLY ADRIANO: Foi vereadora entre 2013 e 2016, e eleita pelo grupo de Tomba e Fernanda, chegando ao posto de líder do governo naquela legislatura. Ela foi a protagonista da eleição de 2016, quando a oposição sofreu a maior derrota da história política da cidade. Mas tem um nome forte junto a João Maia e Zenaide Maia, principal partido da oposição na atualidade.