Regional de Santa Cruz reúne gestores e faz alertas importantes para a saúde pública

A V Unidade Regional de Saúde Pública (V URSAP), com sede em Santa Cruz, reuniu os gestores das pastas municipais para apresentar dados e fazer alertas importantes. Através de palestas com técnicos de diversas áreas, a V URSAP apresentou as metas, dados e informações importantes para os secretários municipais em Saúde Pública das regiões Trairi e Potengi. A programação do evento começou por volta das 09h00 e continuou pela tarde da quarta-feira (15), que formalizou o I Seminário de Acolhimento aos novos Secretários Municipais de Saúde da 5ª Região.

Um dado interessante repassado pela direção-geral da V URSAP, na figura de Socorro Medeiros, é que do total de 21 municípios que integram a regional, apenas quatro gestores da saúde permanecem no cargo para o início deste quadriênio 2017-2020. Fica a indagação sobre novas gestões, novos desafios, mas ao mesmo tempo a possibilidade de interrupções de boas sequências de programação das ações das políticas de saúde.

As palestras ficaram divididas em Atenção Básica (Edinara Lira), E-SUS (Paulo Melo), SISPACTO (Maria José), Controle Social (Valdo Teodósio), SINAN (Adriana), Tuberculose e Hanseníase (Roseane), Imunização (Conceição), Saúde da Mulher (Maura), SIM/SINASC (Cícera), DST (Iramil), VISA (Thiago e Dorinha), Endemias (José Augusto), Saúde do Idoso (Marileide) e Saúde do Trabalhador (Lucy).

Além de um cooffee break, a V URSAP ofereceu aos gestores uma exposição de dados, disponibilização de material do Ministério da Saúde e SESAP, bem como a entrega de material das palestras. A diretora Socorro Medeiros enalteceu a importância desse encontro. “Consideramos que um momento de aprendizado e muita informação para o início dessas gestões. É o momento do secretário conferir o balanço de dados e ficar por dentro de todas as informações necessárias para um momento delicado como este que vivemos. São informações valiosas para os municípios e sua população”, disse ao Blog.