Monsenhor Walfredo Gurgel

50 anos do falecimento de Monsenhor Walfredo Gurgel

O Rio Grande do Norte lembra hoje os 50 anos do falecimento do ex-governador Walfredo Gurgel, vítima de um câncer aos 62 anos, no dia 04 de novembro de 1971. Seus restos mortais repousam na Catedral de Sant’Ana de Caicó

Walfredo Dantas Gurgel nasceu em 02 de dezembro de 1908, na cidade de Caicó, no Seridó. Fez o Seminário Menor em Natal e cursou Filosofia e Teologia em Roma. Fez doutorado em Direito Canônico. Foi ordenado padre no ano de 1931.

Walfredo desempenhou as funções de professor, vice-reitor e reitor do Seminário de São Pedro (Natal). Passou pelas Paróquias de Nossa Senhora da Guia (Acari) e Sant’Ana (Caicó). Foi Monsenhor e vigário-geral da Diocese de Caicó.

Foi eleito deputado federal pelo PSD em 1945, e participou dos trabalhos da Constituinte de 1946. Em 1960 foi eleito vice-governador, pela coligação “Cruzada da Esperança” na chapa encabeçada por Aluizio Alves, do PSD. Walfredo derrotou o deputado federal mossoroense Vingt Rosado, companheiro da chapa encabeçada pelo deputado federal Djalma Marinho, ambos da UDN. Naquela época, o governador e o vice eram votados e eleitos separadamente.

Walfredo acumulou o cargo de Presidente da Assembleia Legislativa, conforme determinava a Constituição Estadual da época. No ano de 1962, elegeu-se senador da República, pelo PSD. Mas em 1965 foi eleito governador do RN, derrotando o ex-senador Dinarte Mariz (UDN). Ficou no cargo até 1971, em plena ditadura militar (1964-1985).


contex