Protestos

Santa-cruzenses se mobilizam a favor dos caminhoneiros

Um movimento programado para esta tarde reforça o apoio aos caminhoneiros santa-cruzenses que estão bloqueando parte da rodovia 226, na entrada de Santa Cruz.

O movimento apartidário busca dar mais apoio aos caminhoneiros e protestar contra o Governo Michel Temer.


m4net

Rodovias federais e estaduais do RN têm bloqueios parciais com caminhoneiros

Mais uma semana com o Brasil vivendo a greve dos caminhoneiros, o no Rio Grande do Norte aumentam o número de bloqueios nas rodovias federais e estaduais.

Confira a lista dos pontos:

BR-101
Parnamirim (km 105) – bloqueio parcial.
São José de Mipibu (km 125) – bloqueio parcial.
Touros (Km 06) – bloqueio parcial.

BR-110
Areia Branca (Km 35) – bloqueio parcial.

BR-226
Santa Cruz (Km 109) – bloqueio parcial.
Jucurutu (Km 241) – bloqueio parcial.

BR-304
Mossoró (Km 33) – bloqueio parcial.
Assu (Km 106) – bloqueio parcial.

BR-405
Apodi (Kms 72 e 78) – bloqueio parciai.

BR-406
João Câmara (Km 100) – bloqueio parcial.

BR-427
Caicó (Km 104) – bloqueio parcial.

Rodovias Estaduais
RN-O16: Assu
RN-O86: Parelhas
RN-O15: Baraúna
RN-O16: Carnaubais

PANORAMA NACIONAL

Nesta segunda-feira (28) foram registrados 556 pontos de caminhoneiros parados no país. O número é maior que o divulgado na última sexta-feira (25), quando 519 pontos estavam interditados.


r87

Temer autoriza uso de forças federais contra caminhoneiros

Em pronunciamento, o presidente Michel Temer disse nesta sexta-feira (25), disse que solicitou apoio das tropas federais para cumprimento do acordo firmado entre o governo e os caminhoneiros e desobstrução das estradas.

Temer afirmou que pode haver punição por interdição de estradas, com ações previstas pelo Exército, Marinha, Aeronáutica, Força Nacional de Segurança e Polícia Rodoviária Federal (PRF). O presidente solicitou também apoio dos Governadores para desobstrução das rodovias estaduais.

“Não vamos permitir que a população fique sem gêneros de primeira necessidade. Não vamos permitir que os hospitais fiquem sem insumos para salvar vidas. Não vamos permitir que crianças sejam prejudicadas pelo fechamento de escolas. Como não vamos permitir que produtores tenham seu trabalho mais afetado”, afirmou Temer.

Os militares estão autorizados a entrar nos veículos e até retirá-los da estrada.


alrn-hoz