Fábio Faria

MCom publica edital de processo seletivo para contratação temporária em atividades técnicas

O Ministério das Comunicações (MCom) tornou público, nesta quinta-feira (24/2), o Edital Nº 23/2022/SEI-MCOM, que prevê a contratação temporária de 217 profissionais em atividades técnicas, com nível superior. O certame será organizado e realizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

A seleção prevê provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, e exame de títulos, de caráter classificatório, para parte das vagas. A contratação será de quatro anos, podendo ser prorrogada – com justificativa, e sem exceder o tempo total de cinco anos.

VAGAS – As oportunidades são para profissionais formados na área de Informática/Computação ou com graduação superior em outra área, mas que tenham pós-graduação em Informática/Computação (mínimo de 360 horas). Além disso, é necessário comprovar experiência superior a cinco anos em funções de Tecnologia da Informação ou título de mestrado ou doutorado na área. Essas características são para a chamada “Atividade 1” (atividades técnicas de complexidade gerencial, de Tecnologia da Informação e de engenharia sênior), que prevê jornada de trabalho de 40 horas semanais e remuneração de R$ 8.300.

Foram disponibilizadas 10 vagas no total (incluindo para candidatos com deficiência e candidatos negros).

Já a “Atividade 2” (atividades técnicas de complexidade intelectual) serão preenchidas por candidatos formados em qualquer curso de nível superior, desde que comprovem experiência profissional superior a três anos em organizações públicas ou privadas, nas seguintes áreas: Atividades Administrativas, Comunicação Social, Direito, Propaganda, Publicidade, Radiodifusão, Tecnologia da Informação ou Telecomunicações, ou que possuam título de pós-graduação lato sensu, mestrado ou doutorado em qualquer das áreas descritas.

A jornada de trabalho também será de 40 horas semanais, com remuneração de R$ 6.130. São 97 vagas ao todo (incluindo as cotas definidas em leis).

A “Atividade 3” (atividades técnicas de suporte) é destinada a profissionais com formação em qualquer área de nível superior. A jornada de trabalho segue a das anteriores: 40 horas semanais e remuneração de R$ 3.800. São 110 vagas ao todo (incluindo as cotas definidas em leis).

Os candidatos serão lotados na sede do Ministério das Comunicações (MCom) em Brasília/DF. É necessário ter idade mínima de 18 anos completos na data da contratação e aptidão física e mental para o exercício das atribuições da atividade. Outros requisitos necessários estão descritos no edital.

INSCRIÇÕES – O prazo de inscrições abre às 10h desta sexta-feira (25/2) e segue até às 18h do dia 14/3 em www.cebraspe.org.br/concursos.

Informações da Assessoria Especial


senhoritta

Ministro das Comunicações destaca 5G em conferência do mercado financeiro

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, destacou o sucesso do leilão do 5G durante sua participação no CEO Conference 2022, promovido pelo BTG Pactual, nesta quarta-feira (23), em São Paulo. Ao falar no painel “Ascensão do 5G”, ele ressaltou que sua prioridade, desde quando assumiu o ministério, em junho de 2020, foi a realização do leilão, que ocorreu com grande sucesso, sendo o maior da área na América Latina.

O ministro destacou o perfil não arrecadatório do leilão do 5G, que destinou grande parte dos 47 bilhões de reais captados para investimentos em conectividade no Brasil. Entre as obrigações previstas no certame, ele citou a que está relacionada ao programa Norte Conectado. Faria lembrou que a iniciativa já permitiu o lançamento de um cabo de fibra óptica subfluvial, ou seja, sem derrubar uma árvore sequer, e que vai conectar mais de 10 milhões de pessoas na região Amazônica. Questionado sobre os efeitos do leilão na economia, o ministro detalhou que a quinta geração de redes móveis vai impactar toda a cadeia produtiva.

“O 5G é altamente transversal. Ele impacta todos os setores da economia. Lógico que tem uns que receberão um destaque maior, como o setor do agronegócio, o setor de agricultura. Hoje, no 4G, em 1 km2 se consegue colocar 10 mil sensores. No 5G, você consegue colocar um milhão de sensores. Então, as fazendas inteligentes estarão totalmente conectadas, diminuindo o desperdício e tendo uma produtividade muito maior”, disse.

O ministro das Comunicações também citou exemplos na área da medicina, da educação, do varejo e do meio ambiente, que vai contar, por exemplo, com drones e satélites para monitorar a conservação das florestas em tempo real, principalmente na região Amazônica. Fábio Faria ainda lembrou a importância da missão 5G, que incluiu integrantes do Tribunal de Contas da União em viagens a países que já contam com a nova geração de dados móveis.

“O Brasil estava um ‘patinho feio’ da economia digital. Com o leilão do 5G, como a gente visitou e bateu à porta de 9 países, falando com presidentes, falando com ministros, falando com o mercado financeiro e falando que ia realizar o leilão e realizamos, agora vamos atrair essas empresas pra cá, pra que a gente possa receber e virar um grande hub de inovação e colocar o Brasil na ponta da economia digital”, explica.

O ministro das Comunicações reforçou que as operadoras vencedoras do leilão vão seguir um cronograma estabelecido no edital para implementar o 5G em todos os municípios brasileiros, inclusive em comunidades indígenas e quilombolas.

Por Assessoria do MCom


senhoritta

Rogério Marinho emite nota de agradecimento a Fábio Faria

Logo após o anúncio de Fábio Faria, em coletiva de imprensa, da sua desistência da candidatura ao Senado Federal, o Ministro Rogério Marinho emitiu uma nota de agradecimento ao gesto do conterrâneo e companheiro de grupo político.

Nota do ministro Rogério Marinho:

Agradeço ao Ministro das Comunicações, meu amigo deputado federal Fábio Faria, pelo desprendimento e generoso gesto. Fábio decidiu abrir mão da sua pré-candidatura ao Senado Federal, pelo nosso Rio Grande do Norte, em prol de um projeto em que juntos vamos levar adiante a mudança necessária na política do estado e garantir a continuidade do trabalho liderado pelo presidente Bolsonaro, que vem transformando o país para melhor. Fábio está realizando um trabalho excepcional à frente do Ministério das Comunicações, com grandes avanços e entregas, mas ainda com importantes etapas a serem cumpridas. A decisão pela permanência no governo é uma demonstração do seu comprometimento em elevar o Brasil a um novo patamar de conectividade e avanços a partir do 5G. Agradeço o apoio ao nosso projeto de pré-candidatura ao Senado. Juntos, faremos as ações necessárias para enfrentarmos o pacto de mediocridade que hoje comanda o nosso RN. Vamos em frente!


contex

Fábio Faria não será candidato ao Senado e declara apoio para Rogério Marinho

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, anuncia em live neste momento (22), durante entrevista coletiva no Palácio do Planalto, que não será candidato ao Senado Federal, na vaga das eleições deste ano.

Fábio também anuncia ao ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, e que não será candidato a nenhum cargo e segue para a iniciativa privada.


contex

MP Eleitoral pede condenação de ministros Fábio Faria e Rogério Marinho por propaganda eleitoral antecipada no RN

O Ministério Público Eleitoral pediu a condenação do ministro das Comunicações Fábio Faria e do ministro do Desenvolvimento Regional Rogério Marinho pela prática de propaganda eleitoral antecipada durante a inauguração de obras da transposição do Rio São Francisco em Jardim de Piranhas, no Rio Grande do Norte, em nove de fevereiro. Durante o evento, acompanhados de Jair Bolsonaro, eles pediram votos para o presidente e para a candidatura de Marinho ao Senado, além de pregarem contra a reeleição da governadora do estado, Fátima Bezerra. As condutas referentes à candidatura do presidente da República foram encaminhadas à Procuradoria-Geral Eleitoral.

De acordo com o procurador regional Eleitoral no RN, Rodrigo Telles, houve claro desvio de finalidade da inauguração, que “transformou-se em um ato político-eleitoral, mediante a induvidosa, indesejável e abusiva antecipação da campanha eleitoral, inclusive com pedido explícito de votos (…)”.

A representação observa também que foi apenas a partir do discurso de Fábio Faria no evento, com anuência e apoio de Rogério Marinho, que se confirmou a candidatura do atual ministro do Desenvolvimento Regional ao Senado, apoiado pelo presidente da República.

O MP Eleitoral considerou, ainda, que Fábio Faria “não se limitou a tecer eventuais críticas administrativas à atual Governadora do RN e pretensa candidata à reeleição no pleito que se avizinha, tendo, em vez disso, de forma explícita, conclamado os eleitores que o ouviam a não votar nela”. Para o procurador regional Eleitoral, a referência expressa às eleições de 2022, antes do prazo permitido, extrapola os limites constitucionais da liberdade de expressão.

O procurador destaca que “as manifestações em referência foram levadas a efeito em um evento oficial do Governo Federal relativo à inauguração de obras hídricas, o que, por si só, demonstra a ilicitude da conduta do representado, uma vez que, obviamente, seja no período eleitoral, seja na pré-campanha, é vedada a manifestação político-eleitoral em eventos custeados com recursos públicos”.

A representação – protocolada no Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte sob o nº 0600040-97.2022.6.20.0000- pede a condenação de Fábio Faria e Rogério Marinho à pena de multa, de acordo com a legislação eleitoral.

Propaganda eleitoral antecipada – O art. 36 da Lei n.o 9.504/97 veda a realização de propaganda eleitoral (positiva ou negativa) antes do dia 15 de agostos do ano das eleições. Proíbe-se, nesse caso, a chamada propaganda eleitoral extemporânea ou antecipada, sendo cominada a sanção de multa pelo descumprimento da regra. O objetivo é tutelar o equilíbrio na disputa eleitoral em detrimento da influência do poder econômico ou político, uma vez que, limitando-se a propaganda eleitoral a um determinado período e sendo gratuita a propaganda no rádio e na televisão, há uma garantia de que o maior ou menor poder econômico ou político dos candidatos não terá o condão de desequilibrar a concorrência democrática em busca do voto popular.

Por Assessoria de Comunicação


m4net

Fábio Faria diz não existir briga com Rogério Marinho e que será um só projeto

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, já anunciou em seu discurso na cerimônia de conclusão da Transposição do Rio São Francisco, em Jardim de Piranhas, que “quem esperar briga com Rogério Marinho vai quebrar a cara”.

“Nos vamos nos unir e vamos derrotar aqueles que esperam isso”, disse Fábio.

Ele não poupou críticas à governadora Fátima Bezerra, a quem acusou de plantar mentiras contra o Governo Federal.

Fábio anunciou que eles irão sentar para definir como será o projeto para 2022. Ele falou tudo com os aplausos do presidente.


m4net

Carlos Eduardo lidera pesquisa para o Senado. Fábio Faria tem o melhor desempenho da oposição

O instituto Seta também trouxe as intenções de votos para o Senado Federal, confira os cenários:

Cenário 1

  • Carlos Eduardo – 20,7%
  • Fábio Faria – 15,4%
  • Rogério Marinho – 10,6%
  • Jean Paul Prates – 8,2%
  • Robério Paulino – 1,8%
  • Indecisos – 17,3%
  • Brancos/Nulos – 26,1%

Cenário 2

  • Fábio Faria – 21,1%
  • Jean Paul Prates – 13,5%
  • Indecisos – 25,8%
  • Brancos/Nulos – 39,6%

Cenário 3

  • Carlos Eduardo – 23,6%
  • Rogério Marinho – 14,8%
  • Brancos/Nulos – 38,2%
  • Indecisos – 23,4%

Cenário 4

  • Fábio Faria – 21,6%
  • Rogério Marinho – 15,1%
  • Brancos/Nulos – 38,2%
  • Indecisos – 25,1

Cenário 5

  • Carlos Eduardo – 25,2%
  • Fábio Faria – 18,4%
  • Indecisos – 21,3%
  • Branco/Nulo – 35,1%

Cenário 6

  • Rogério Marinho – 18,9%
  • Jean Paul Prates – 11,8%
  • Branco/Nulo – 43,2%
  • Indecisos – 26,2%

Para a realização do estudo do instituto Seta, divulgado pelo Blog do BG, foram entrevistados 1600 eleitores de todas as regiões do Rio Grande do Norte. Os resultados foram calculados com margem de erro de 2,5% para mais ou para menos e com interalo de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo RN-06152/2022.


alrn-hoz

Rogério Marinho e Fábio Faria podem trocar Senado pela Câmara, diz portal

Mais uma vez o assunto sobre a desistência de um dos ministros potiguares Rogério Marinho (MDR) e Fábio Faria (Comunicações) voltou a ser comentado na mídia.

De acordo com o Portal Metrópoles, a baixa popularidade de Jair Bolsonaro e sua dificuldade de crescer começaram a fazer ministros de seu governo repensar se de fato vão disputar cargos majoritários, como de senador.

Neste grupo, estão, por exemplo, Fábio Faria, do Ministério das Comunicações, e Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional. Os dois políticos do Rio Grande do Norte já sabiam que teriam dificuldade de disputar juntos ao mesmo cargo, e avaliavam quem iria concorrer ao quê. Agora, os dois consideram a possibilidade de disputar a Câmara. Faria é deputado federal e Marinho foi derrotado em 2018, também para a vaga de deputado federal.

Tereza Cristina, da Agricultura, também avalia com cuidado o cenário no Mato Grosso do Sul. A ministra, atualmente no DEM, ainda estuda qual será seu destino partidário, e até algumas semanas atrás estava certa de que tentaria se eleger senadora, mas agora considera se o mais seguro não seria novamente tentar uma vaga na Câmara — ela, a exemplo de Faria, também é deputada.

O ministro da Justiça, Anderson Torres, até outro dia secretário de Segurança do DF, também está revendo os planos de se candidatar ao Senado. Embora ele ainda considere que números a serem divulgados de sua gestão teriam o efeito de catapultar seu nome nas pesquisas, Torres foi aconselhado a não entrar num embate com Flávia Arruda, ministra da Secretaria de Governo que está bem colocada em intenções de voto.

Marcelo Queiroga também desistiu dos planos de concorrer ao Senado pela Paraíba. Avaliou que seria mal recebida sua saída do Ministério da Saúde em março, quando a pandemia ainda estará longe de ser debelada. Vai lançar o filho, Antônio Queiroga, o Queiroguinha, a deputado federal no estado.


m4net

Veraneio e eleições no RN

Não faltou matéria paga em tudo que é blog e portal para anunciar as informações plantadas por cada financiador.

Cada matéria saiu bem planejada nas varandas do veraneio potiguar, e olhe que são mais de 400 km de praias, espaço suficiente para muita fofoca.

Para Governo do RN, a briga não é tão intensa quanto para o Senado. Isso porque, quem tem mandato garantido não tá afim de disputar uma vaga que hoje parece bem encaminhada para Fátima Bezerra.

Nome de Ezequiel Ferreira, que foi levantado pela primeira vez nas prévias do PSDB, em novembro de 2021, voltou a ser cogitado. Ezequiel candidato ao Governo, e o Senador ainda seria uma dúvida: Rogério ou Fábio?

Semanas atrás, na imprensa nacional, surgiu a informação que Rogério Marinho não seria mais candidato, ficando no Ministério do Desenvolvimento Regional. O nome da vez seria Fábio Faria. A assessoria de Rogério desmentiu imediatamente.

Neste final de semana foi a vez do boato ao contrário, Rogério candidato e Fábio descartado. A assessoria do genro de Sílvio Santos desmentiu.

É claro que existe uma torcida favorável para cada, que neste momento divide a base de Bolsonaro no RN, no entanto, a ameaça da eleição de Lula e reeleição de Fátima mantém o grupo votando com o mesmo interesse.

O consenso é o nome de Ezequiel Ferreira, que se mantém “aliado” de Fátima Bezerra até agora, ou alguém ouviu falar em rompimento?

Amanhã é 1º de fevereiro, todos de volta ao trabalho, e recomeça a agenda de um ano político e eleitoral.

Vamos aguardar os próximos capítulos dessa novela…


contex

Rogério fora da disputa? Fábio para o Senado?

Uma matéria no jornal Correio Brasiliense é um dos assuntos mais comentados deste final de semana, que aborda a disputa para o Senado no Rio Grande do Norte.

Com base na legislação eleitoral, os ministros que pretendem ser candidatos devem se desincompatibilizar de seus cargos até seis meses antes das próximas eleições, ou seja, até 1º de abril.

O vice-líder do governo na Câmara, Evair de Melo (PP-ES), ressalta, também, como devem ficar os ministérios das Comunicações, comandado por Fábio Faria (PSD), e do Desenvolvimento Regional, liderado por Rogério Marinho. Como neste ano haverá apenas uma vaga para o Senado em cada unidade da Federação, Marinho continuará no ministério, em favor da candidatura de Faria a senador pelo Rio Grande do Norte.


senhoritta

Ministro Fábio Faria participa de evento ao lado de Allan dos Santos, foragido da Justiça

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, participou na sexta-feira, 7, de um encontro evangélico e conservador na Flórida, nos Estados Unidos, ao lado do blogueiro bolsonarista Allan dos Santos, considerado foragido da polícia brasileira. No evento, Faria atacou a esquerda, incluindo a governadora Fátima Bezerra, mas não comentou nada sobre estar como ministro na presença de um procurado pela Justiça.

​Chamado de “Governe Conference”, o evento foi organizado por evangélicos em Orlando. O presidente Jair Bolsonaro (PL) gravou um vídeo para os presentes desejando um 2022 de alegria e realizações. Além de Fábio Faria e Allan dos Santos, o pastor André Valadão, o deputado Lucas Gonzalez (Novo-MG), o vereador por Belo Horizonte Nikolas Ferreira (PRTB) e Paulo Figueiredo Filho – neto do último presidente da ditadura militar, João Baptista Figueiredo – estavam presentes.

Em nota, Fábio Farias afirmou que não teria comparecido ao evento caso soubesse que Allan dos Santos iria participar. “Fui convidado para discursar num evento de um pastor de uma igreja que eu e minha família frequentamos quando estamos em Orlando. Não havia nenhuma indicação que entre os presentes estaria alguém com problemas com a Justiça brasileira. Se eu soubesse que ele iria, eu não teria comparecido. Após o evento, foi oferecido um lanche na sala do pastor André na própria igreja”, disse Faria.

Allan dos Santos teve a prisão e a extradição decretada no dia 5 de outubro, no inquérito que apura a existência de uma milícia digital para atacar a democracia e as instituições. Ao lado de Fábio Farias, ele afirmou ser um “jornalista em exílio” por não ter cometido nenhum crime e nenhum processo jurídico legítimo e constitucional em andamento.

Em uma representação encaminhada ao Supremo, a delegada da Polícia Federal, Denisse Dias Rosas Ribeiro, pediu a prisão preventiva de Allan com base na prática frequente dos crimes de ameaça, ataques contra a honra e incitação à prática de crime, assim como a participação de organização criminosa.

O blogueiro é investigado em dois inquéritos: o de fake news e atos antidemocráticos. Na internet, foi banido do Twitter, do Facebook e do Youtube e teve o blog Terça Livre encerrado. Ele ainda mantém uma página no aplicativo Telegram, em que tem 121 mil seguidores.

Fábio Farias viajou para os Estados Unidos no dia 5 de janeiro ao lado da esposa Patrícia Abravanel.

Fonte: Saiba Mais


m4net

Garibaldi Filho lidera pesquisa para o Senado Federal

A pesquisa do Instituto Seta também analisou dados para o Senado Federal. Em todos o ex-senador e ex-governador Garibaldi Filho lidera para a vaga única de 2022, mas a diferença para o segundo lugar varia conforme os cenários, confira?

CENÁRIO 1 – Com Rogério e Fábio

Garibaldi – 17,9%

Fábio Faria – 9,6%

Rogério Marinho – 8,7%

Jean Paul Prates – 6,9%

Haroldo Azevedo – 4,3%

Robério Paulino – 3,1%

Indecisos – 18,5%

Brancos/Nulos – 31,1%

 

CENÁRIO 2 – Sem Rogério Marinho

Garibaldi – 18,4%

Fábio Faria – 14,8%

Jean Paul Prates – 7,2%

Haroldo Azevedo – 4,3%

Robério Paulino – 3,5%

Indecisos – 20,7%

Brancos/Nulos – 31,1%

 

CENÁRIO 3 – Sem Fábio Faria

Garibaldi – 20%

Rogério Marinho – 10,6%

Jean Paul Prates – 7,2%

Haroldo Azevedo – 4,3%

Robério Paulino – 3,1%

Indecisos – 24,1%

Brancos/Nulos – 30,2%

 

A pesquisa do instituto Seta, divulgada pelo Blog do BG, foi realizada entre os dias 9 e 11 de novembro com 1500 entrevistados de todas as regiões do Rio Grande do Norte. O intervalo de confiança é de 95% com margem de erro de 2,9% para mais ou para menos.


contex

Galeno reforça pleito por curso de medicina na UFERSA de Pau dos Ferros

Cumprindo agenda em Brasília, o deputado estadual Galeno Torquato (PSD) participou nesta quinta-feira (21) de reunião com os ministros da Educação, Milton Ribeiro, e das Comunicações, Fábio Faria, acompanhado também pela prefeita do município de Pau dos Ferros. Em pauta, o reforço do pedido de instalação do curso de medicina no Campus da Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA) de Pau dos Ferros, além da manutenção dos cursos de arquitetura e urbanismo.

“O curso disponível mais próximo encontra-se em Mossoró ou no estado vizinho da Paraíba. Cabe ressaltar que a estruturação da docência médica fortaleceria em muito a Rede de Atenção à Saúde na região Oeste, tornando a cidade de Pau dos Ferros um polo, de fato, tendo muito mais resolutividade do Sistema Único de Saúde (SUS)”, pontua o deputado.

Segundo o parlamentar, que tem na Saúde uma das principais bandeiras do seu mandato, a instalação do curso de medicina beneficiará cerca de 300 mil habitantes, em 37 municípios da região do Alto Oeste potiguar.


senhoritta

Ministro das Comunicações visita o presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira

Dando continuidade à agenda que cumpre no Rio Grande do Norte, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, visitou o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, Ezequiel Ferreira (PSDB), nesta quinta-feira (17). Na pauta da reunião assuntos como a visita do presidente da República, Jair Bolsonaro ao Estado, no próximo dia 24, o aumento de envio de doses da vacina contra COVID-19, investimentos do Governo Federal no Estado, implantação da tecnologia 5G no Brasil, entre outros assuntos de interesse do povo potiguar.

“Alegria em receber o ministro Fábio Faria que traz boas notícias e ações para o Rio Grande do Norte, como o aumento, para os próximos dias, da campanha de vacinação contra a COVID-19 e a chegada da tecnologia 5G, que o ministro garante chegar ao nosso Estado até junho de 2022”, comentou Ezequiel.

O ministro potiguar destacou as ações e investimentos do Governo Federal no Rio Grande do Norte. “Essa foi uma visita institucional do Ministério das Comunicações, do Governo Federal, a Casa do Povo Potiguar, onde tratamos de muitos assuntos, como a vacinação que chegaremos a dois milhões de doses entregues, 100% adquiridas e pagas pelo Governo Federal”, disse.

Acompanharam a reunião, o presidente da Frente Parlamentar Evangélica, Cezinha de Madureira (PSD) e o secretário de Radiodifusão do Ministério das Comunicações, Maximiliano Martinhão, a diretora de Comunicação da Assembleia Legislativa, Marília Rocha, o diretor da TV Assembleia, Bruno Giovanni e o diretor geral da Presidência da Assembleia Legislativa, Fernando Rezende.


senhoritta

Tomba tem seu nome cotado para candidatura ao Governo do RN

Um grupo de lideranças políticas do Rio Grande do Norte, situado no espectro de oposição ao governo Fátima Bezerra, iniciou conversas sobre o cenário eleitoral de 2022. O objetivo do grupo é apresentar, no ano que vem, uma chapa competitiva para enfrentar o projeto de reeleição do PT. As conversas ainda são tímidas e reservadas. Porém, alguns dos principais atores já se movimentam com agressividade nos bastidores.

É o caso dos dois atuais ministros potiguares. Aliados do presidente Jair Bolsonaro, os ministros das Comunicações, Fábio Faria (PSD), e do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho (sem partido), se mexem com vigor nos bastidores com o objetivo de emplacarem suas candidaturas ao Senado.

Em comum aos dois, o possível apoio do presidente Bolsonaro e o forte discurso de oposição ao governo Fátima Bezerra. Rogério e Fábio desfrutam de enorme visibilidade nacional e querem aproveitar o bom momento que vivem na política nacional para se credenciarem ao cargo de senador pelo Rio Grande do Norte, com oito anos de mandato.

Além de se organizar para disputar a vaga do Rio Grande do Norte no Senado que hoje pertence ao senador petista Jean Paul Prates, esse mesmo grupo atua também em outra frente de discussão: a escolha do candidato a governador nessa chapa. O consenso é de que tanto Fábio quanto Rogério são bons candidatos ao Senado, mas quem quer que seja o nome do grupo para disputar o cargo só terá chances reais se contar, no mesmo palanque, com um candidato competitivo ao governo.

Nessa linha, os nomes que aparecem no cenário como prováveis candidatos a governador ao lado de Rogério ou Fábio até o presente momento são o ex-vice-governador do Rio Grande do Norte, Fábio Dantas (Solidariedade), o deputado federal Benes Leocádio (PRB) e o deputado estadual Tomba Farias (PSDB).

Participam ainda dessas discussões lideranças que hoje fazem oposição ao governo Fátima, como o ex-senador Garibaldi Filho (MDB) e o deputado federal Walter Alves (MDB), o ex-governador Robinson Faria (PSD), o deputado federal João Maia (PR), o deputado federal Beto Rosado e a ex-governadora Rosalba Ciarlini (PP).

Fonte: Agora RN


alrn-hoz

Em Brasília, Tomba discute projetos de recursos hídricos e pleitos de caminheiros

Em reuniões em ministérios em Brasília desde a última segunda-feira, 05, o deputado estadual Tomba Farias (PSDB) manteve encontros com os ministros Fábio Faria (Comunicações) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional), aos quais encaminhou pleitos nas áreas de recursos hídricos, assim como demandas que lhes foram solicitadas pelos caminhoneiros do Nordeste.

Com relação à área de recursos hídricos, o parlamentar na manhã desta quarta-feira, dia 7, tratou com Rogério Marinho da licitação do projeto Seridó, orçado em R$ 280 milhões e que beneficiará toda região seridoense potiguar. A iniciativa irá permitir o abastecimento de localidades que sofrem com a constante falta de água. A reunião contou ainda com as participações dos deputados Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) e Gustavo Carvalho (PSDB).

Junto a Fábio Faria, na terça-feira, dia 6, Tomba foi o porta-voz de pleitos dos caminhoneiros nordestinos que lhes delegaram a entrega de uma carta de reivindicações destinada à apreciação do presidente Jair Bolsonaro.

Durante as reuniões com os ministros, Tomba Farias tratou também da liberação de emendas que beneficiam diversos municípios do estado.

O parlamentar municipalista retorna ao Rio Grande do Norte na sexta-feira (09) e prosseguirá com a sua agenda de visitas aos municípios de sua base política.

Por Assessoria


m4net

Galeno Torquato prestigia posse do ministro das Comunicações

A posse do novo ministro das Comunicações, o deputado federal potiguar Fábio Faria ocorrerá na manhã desta quarta-feira (17) em Brasília. Representando a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, o deputado estadual Galeno Torquato (PSD) participa da solenidade onde o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, fará o detalhamento das ações da pasta.

O novo ministro Fábio Faria assumiu o primeiro mandato em 2006 e tem em seu currículo atuação como empresário, administrador e gestor de projetos sociais. A indicação de Fábio é considerada a aposta da classe política de todo o Brasil para ampliar o diálogo entre o Congresso e o Palácio do Planalto. “Fábio é conhecido por sua interlocução e boa articulação política e tenho certeza, fará um grande trabalho na política de Comunicação do Governo Federal”, destaca o deputado potiguar e correligionário, Galeno Torquato.

Fábio assume a pasta no período de pandemia do novo coronavírus no Brasil em que o debate sobre comunicação pública também se faz importante e terá ainda como missão a atuação internacional no Ministério e na imagem que o Brasil projeta no mundo.

O deputado estadual Albert Dickson (PROS) e o diretor da TV Assembleia RN, Bruno Giovanni, também participarão da posse. O Ministério das Comunicações foi recriado como desdobramento do Ministério da Ciência e Tecnologia.


senhoritta

Veja como votou cada deputado do RN

E como votaram cada um dos deputados do Rio Grande do Norte?

SIM
Benes Leocádio (PRB)
Beto Rosado (PP)
Fábio Faria (PSD)
João Maia (PL)
Walter Alves (MDB)

NÃO
Natália Bonavides (PT)
Rafael Motta (PSB)

O deputado federal General Girão foi submetido no último dia 1º a uma delicada cirurgia cardíaca para retirada de um aneurisma na aorta e está de licença médica. A alta hospitalar ocorreu ontem, mas ele não possui condições de saúde para retornar de imediato às atividades parlamentares.


m4net

Ezequiel participa da reunião geral, em Mossoró, ao lado do vereador João Gentil

Em Mossoró, o deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB) foi recebido em caloroso encontro com lideranças, amigos e correligionários do vereador João Gentil, no início da noite desta quarta-feira (19).

Também participaram da reunião geral; Tião Couto, candidato a vice-governador na chapa encabeçada pelo governador Robinson Faria e o candidato a deputado federal, Fábio Faria.


alrn-hoz