PSB

PSB faz mais um prefeito no RN

O Partido Socialista Brasileiro (PSB) ganhou mais um prefeito no Rio Grande do Norte. Arthur Teixeira foi eleito com 6.984 votos (61,16%), o novo gestor de Guamaré. A eleição suplementar ocorreu neste domingo (07). Eliane de Edinho, do MDB, completou a chapa e assume como vice-prefeita do município.

Rafael Motta, deputado federal e presidente estadual do PSB, esteve na festa da vitória junto com o também socialista, deputado estadual Hermano Morais, que ocorreu ainda ontem pelas ruas da cidade.

A data da diplomação do prefeito e vice será fixada, por meio de portaria da Justiça Eleitoral, com prazo limite de 30 de novembro de 2021. O mandato da chapa vencedora encerra em dezembro de 2024.


alrn-hoz

PSB lamenta falecimento do ex-governador Lavoisier Maia

Com profundo pesar, o Partido Socialista Brasileiro (PSB) recebe a informação do falecimento do ex-governador Lavosier Maia, aos 93 anos de idade, ocorrido nesta segunda-feira (11).

Lavosier se eterniza como uma grande referência na política do Rio Grande do Norte. Médico, professor e ex-senador, Lavosier foi eleito deputado federal e estadual pelo PSB no início dos anos 2000.

Neste momento de dor e tristeza, os quadros da sigla, através do seu presidente estadual, deputado federal Rafael Motta, manifestam imensa consternação e solidariedade à família e amigos.


alrn-hoz

Bancada do PSDB soma 62% das cadeiras do legislativo em Santa Cruz

Na nossa terceira parte de análise da nova legislatura, o Blog agora analisa a composição partidária.

Se antes, em outra reportagem, o Blog analisou que 77% da Câmara é governista, só o PSDB controla 62% de todas as cadeiras, sendo isso 80% da bancada governista.

O PSB perde uma vaga e empata com o PL, que também perdeu uma vaga. Com o aumento das vagas no legislativo, esses partidos diminuíram ainda mais o seu tamanho dentro da Câmara, com o PSDB saltando para números fora do padrão.

O PCdoB apesar de ter 8%, uma vaga, faz história e ainda reforça a bancada da oposição com um discurso mais qualificado, na figura do vereador Lucicláudio Bezerra.

Partidos QTE %
PSDB 8 62%
PSB 2 15%
PL 2 15%
PCdoB 1 8%
Total 13 100%

contex

Do verde ao azul, Câmara Municipal de Santa Cruz sai do MDB para liderança do PSDB

A Câmara Municipal de Santa Cruz mudou bastante na legislatura 2017-2020. Os eleitos em 2016 eram de maioria do MDB e PSB, agora em 2020 o cenário muda para o PSDB. A liderança do MDB era com 3 vereadores em 2016.

Após a cassação, o PSB passou a ser a maior bancada, com 3 vereadores, sendo um deles da oposição, o Dr. Zé Francisco.

A partir de 2021, o PSDB tem a maior bancada da Câmara, com 8 vereadores, mais de 50% da casa legislativa, uma proporção jamais vista na cidade.

Do verde do MDB, passando pelo vermelho do PSB, agora o legislativo tem maioria azul do PSDB.


alrn-hoz

Partidos governistas tiveram mais de 8 mil votos de maioria sobre a oposição

Com uma mudança na legislação, as coligações foram extintas e os partidos passaram a ser de fato a forma de ingresso nas conquistas das vagas. Na primeira rodada era aplicado o cálculo com o quociente eleitoral (votos válidos dividido pela quantidade de vagas), depois a média de votação de cada partido para completar as vagas (sobra das vagas).

A oposição se dividiu e não aplicou o voto útil, quando PT (425), PP (256), PSL (368) e PSOL (60) somaram 1.109 votos. Votação essa que fez falta ao PCdoB para conseguir uma segunda, por exemplo.

A proporção entre situação e oposição foi descomunal, com os partidos de situação somando 13.985, contra 5.098, com uma maioria de 8.887 votos, ainda maior que a vantagem do Prefeito Ivanildinho para o segundo colocado, Gean Paraibano.

PROPORÇÃO DE SITUAÇÃO E OPOSIÇÃO

O cenário no ambiente legislativo vai ser interessante de acompanhar pelas posições e histórico dos eleitos. A proporção entre governistas e oposicionistas praticamente retornou ao ponto de 2016.

Em 2016, Fernanda Costa contava com 78% da bancada, tendo os 2/3 de bancada legislativa necessária para votações importantes. Ivanildinho Ferreira encontrou uma bancada menos governistas, com placar de 2/3, mas sendo de 6 a 3, mas com a cassação do Edmilson Silva, a bancada ficou 5 a 4, sendo 56% do total das cadeiras.

Com as eleições de 2020, Ivanildinho tem uma renovação da bancada e encontra 77% de apoio, superando os 2/3 da casa legislativa. Isso apresenta um cenário de tranquilidade para o prefeito colocar matérias em tramitação quando for preciso aprovar temas mais polêmicos.

O “passeio” do grupo de Tomba não foi apenas no executivo, mas também no legislativo.


m4net

Confira os eleitos do PSDB e PSB, que fizeram 10 vagas pela situação

PSDB

45.999 – FÁBIO RODRIGUES DIAS – 1.623

45.888 – NAYARA KARINE FONSECA GOMES BULHÕES – 1.246

45.555 – TALITA MARIELLE CRISANTO REINALDO – 1.176

45.333 – MARCO CELITO DA COSTA – 929

45.777 – ÉLCIO VAGNER RODRIGUES DE SOUZA – 790

45.000 – ZULEIDE GUILHERME SOARES – 755

45.444 – TARCISIO FELIX DOS SANTOS – 575

45.456 – FRANCISCO ERIVAN JUSTINO – 554

PSB

40.222 – ROBERTO TEIXEIRA DA SILVA – 768

40.123 – RODOLFO BEZERRIL FREIRE GOMES – 629


r87

Mapa do Trairi alterna do MDB para o PSDB

Em 2016, o antigo PMDB, hoje MDB, viveu o ápice político com a chegada de Michel Temer ao Palácio do Planalto, após o impeachment da presidenta Dilma Rousseff. No Trairi, a maioria das filiações eram para o partido, que tinha cadeiras na Câmara e Senado Federal.

Naquela eleição municipal, quatro prefeitos foram eleitos pelo MDB (Santa Cruz, Japi, Cel. Ezequiel e Lajes Pintadas). O PSD de Robinson Faria, na época governador em desgaste, elegeu prefeitos em São Bento do Trairi e Serra Caiada.

O PSOL “quebrou a banca” dos políticos tradicional e elegeu o primeiro prefeito na região, no município de Jaçanã. PSB chegou ao poder em Sítio Novo e PL em Tangará. O PROS inaugurou no Trairi com a eleição em Campo Redondo, uma reeleição, a primeira do município.

MUDANÇAS

O xadrez dos partidos no Trairi mudou o cenário, tendo cassação em Santa Cruz, reduzindo o MDB para três prefeitos. O PSDB não tinha nenhum prefeito, mas Ivanildinho Ferreira, eleito em pleito suplementar, pelo PSB, migrou para a legenda em crescimento no RN. Em Tangará, Jorginho Bezerra saiu do PL e foi para o PSDB também.

Com a saída de Jorginho, o PL não tem nenhum prefeito na região.

PROJEÇÕES

As pesquisas e projeções já apontam um caminho sobre o novo cenário, obviamente que será definido neste domingo e muitas vezes a vontade do surpreende aqueles que analisam a política.

As pesquisas mostram que o PSDB tem chances de conquistar três cidades. São elas Santa Cruz, Jaçanã e Serra Caiada. Nessas três cidades, os candidatos dessa legenda lideram com ampla maioria, e são favoritos até o “abrir das urnas”.

O PROS pode manter sua única prefeitura, Campo Redondo, segundo as pesquisas o cenário é favorável.

O MDB pode conquistar apenas Coronel Ezequiel, com a reeleição de Cláudio Marques, conhecido como Boba.

O Republicanos pode inaugurar sua primeira prefeitura na região, conforme as pesquisas que apontam a vitória de Luciano em Lajes Pintadas. Mas o cenário é de uma disputa acirrada com a prefeita Preta Furtado, do MDB.

O PL pode reconquistar uma prefeitura na região, chegando ao poder em Japi. O município mostra uma forte mobilização de Simone Silva contra Jodoval Pontes, do MDB.

As pesquisas mostram em Sítio Novo continuando com o PSB, de Edilson Júnior, que seria reeleito. No entanto, fontes seguras afirmam que o cenário é de muita disputa entre as principais lideranças locais: Wanira Brasil x Coronel Edilson.

São Bento do Trairi teve a publicação de duas pesquisas que mostram a permanência de Keka Araújo no poder, com o PSD mantendo uma prefeitura no placar.

O PDT pode chegar a conquistar a sua primeira vitória na região com o Dr. Airton Bezerra, na reedição do duelo com Jorginho Bezerra, do PSDB. Em 2016, a eleição foi decidida nas duas últimas urnas da apuração.

O único partido a sair de cena seria o PSOL, perdendo em Jaçanã, conforme pesquisas divulgas.

Ao final da apuração saberemos como será o novo mapa partidário da região Trairi.


m4net

Partido do vice de Gean Paraibano apoia Jackson Renê

Uma nota oficial do partido do candidato a vice-prefeito de Gean Paraibano, Balão de Otávio, surpreendeu ao apoiar um candidato a vereador do bloco governista.

Em nota, o PSC anuncia apoio a Jackson Renê, do PSB, confira:

O Partido Social Cristão (PSC) vem, por meio desta declarar apoio ao candidato a vereador, Jackson Renê do PSB. por se tratar de uma candidatura alinhada com a perspectiva de crescimento para Santa Cruz.

O vereador Jackson Renê vem exercendo um mandato baseado no diálogo junto à população e firmado no compromisso com as mudanças que Santa Cruz precisa. Portanto, o PSC vem a público declarar apoio ao candidato a reeleição do vereador, Jackson Renê.

Outrossim, o PSC reafirma seu apoio à candidatura a prefeito de Gean Paraibano e vice balão de Otavio.

Adailton Soares
Partido Social Cristão-Santa Cruz-RN


r87

[FOTOS] Confira como foi a convenção do PSDB/PSB em Santa Cruz

Os principais partidos do grupo governista de Santa Cruz realizaram a convenção que confirmou os nomes de Ivanildinho Ferreira (PSDB) e Glauther Adriano (PSB) para prefeito e vice-prefeito, nas eleições municipais deste ano, em 15 de novembro.

O local escolhido foi a Escola Municipal Aluízio Bezerra, no bairro Paraíso, o antigo Complexo João de Dula, na manhã deste domingo (06), e contou com a participação do médico Marcos Lima, do deputado estadual Tomba Farias, o ex-vice-prefeito Joca Ferreira, lideranças e pré-candidatos homologados na convenção.

COLIGAÇÃO

As coligações entre partidos são permitidas apenas na majoritária, ou seja, para cargos como prefeito, governador e presidente. No grupo de Tomba/Ivanildinho, o PSDB indicou o prefeito e o PSB o vice. Os demais partidos somam apoio, como o MDB, PTB e DEM, além de somar tempo nos programas de rádio da coligação.

VEREADORES

Com 13 vagas para a disputa entre os vereadores, o grupo decidiu lançar candidatos apenas por duas legendas, o PSDB e PSB, tendo em vista que as coligações para a proporcional foram extintas. Ou seja, cargos como vereador e deputados não tem mais uma aglomeração de partidos para eleger cadeiras no parlamento, as vagas agora são disputadas pelo partido. O PSDB lançou 19 candidatos, e o PSB 20.

NOVOS APOIOS

Nos discursos da majoritária, o médico Marcos Lima, do PTB, foi a grande novidade, sendo recebido no primeiro ato político do grupo de Tomba/Ivanildinho. Outros nomes foram lembrados, principalmente aqueles que desistiram de outros projetos políticos para apoiar o grupo da situação.

CONVENÇÃO FECHADA

Não teve live, ao contrário de outras cidades, Ivanildinho decidiu seguir uma linha de interpretação que as lives de convenção fogem do objetivo intrapartidário. Esse mesmo pensamento também foi compartilhado por alguns grupos políticos em diversas cidades.

A transmissão aconteceu em grupo fechado para filiados e convencionais na plataforma zoom meeting. Presencialmente, prestigiaram algumas lideranças convidadas, os convencionais, diretórios municipais, pré-candidatos com direito a convidar um assessor, bem como a equipe de estrutura do evento, não podendo ultrapassar as determinações dos decretos sanitários, com até 30% da capacidade do local.

No local, só era permitida a entrada com pulseira de identificação e máscara, tinha aferição da temperatura, bem como restrições de circulação. Assessores ficaram em ambientes determinados, e os pré-candidatos numa plenária geral. A majoritária com mesa dos trabalhos ficou em um espaço exclusivo, que estavam as câmeras e equipe de suporte do evento.


senhoritta

Ivanildinho e Glauther são homologados como a chapa governista de Santa Cruz

Os nomes dos atuais prefeito e vice-prefeito de Santa Cruz, Ivanildinho Ferreira (PSDB) e Glauther Adriano (PSB), foram homologados como a chapa do grupo governista para a disputa da eleição municipal na majoritária. A candidatura de reeleição deles foi mais uma vez confirmada pelo grupo de Tomba Farias, que em outubro comemoram 20 anos da primeira vitória nas urnas de Santa Cruz.

O MDB, DEM e PTB também acompanharam a convenção e coligaram com o PSDB e PSB na eleição majoritária. Apenas o PSDB e PSB lançam candidatos nestas eleições para vereador, pois a nova regra eleitoral permite candidaturas apenas por uma lista de filiados do partido, sem permitir a coligação entre as legendas.

A convenção ainda contou com vídeos de apoio de lideranças estaduais como Rafael Motta e Ezequiel Ferreira, além do deputado estadual Tomba Farias, líder político do grupo.

A convenção foi cartorial com apenas os candidatos, assessores e convencionais, além de uma série de medidas restritivas, diante da pandemia do novo coronavírus. Os demais filiados de cada partido podiam acompanhar por uma sala no aplicativo Zoom Meeting.


r87

Conheça os nomes homologados para vereador pelo PSDB e PSB

Confira os nomes homologados em convenção partidária do PSDB e PSB de Santa Cruz, para o legislativo, eis os nomes:

Candidatos do PSDB Candidatos do PSB
Cocó Do Paletó Rodolfo Bezerril
Elcio Pontes Kennedy Moura
Erivan Justino Pastor Manoel Ribeiro
Fabio Dias Michele Medeiros
Edmilson Da Rádio Beto Da Saúde
Glauber Bezerra Paulo Apaga A Luz
Josy De Nelson Patricia Maia
Lêla Cabelos Cassinha De Duda
Lilian Dantas Toin Da Furna
Marco Celito Cristiana Costa
Nayara Erivaldo Sena
Nicácio Do Leite Ku De Osso
Pretinho Israel Fernandes
Renato Locutor Júnior Do Bauru
Rizomar Brandão Jackson Renê
Talita Marielle João Da Cravina
Tarcisio Das Horteiras John Lyra
Zuleide Guilherme Cícera Ferreira
Cleide De Aldo Magna Efigênia
Aldecides

contex

Coligação de Ivanildinho tem cinco partidos políticos

Até esta sexta-feira (04), o pré-candidato a prefeito Ivanildinho Ferreira já conta com cinco partidos na base da sua coligação.

As coligações não são permitidas para as candidaturas a vereador, sendo apenas fechadas entre os partidos, com até 150% do total de vagas disponíveis.

Para prefeito, coligação majoritária, ainda são permitidas as coligações. Ivanildo Ferreira reúne o PSDB, PSB, DEM, MDB e PTB.

As coligações são importantes para somar tempo de TV e Rádio para os candidatos, além do apoio político.


senhoritta

Maior parte da oposição segue para o PL, Gean Paraibano vai para o PP

Mais mudanças partidárias na oposição…

Três vereadores migram para para o PL, seguindo Péricles Rocha, são eles: João Victor, Paulo César Beju e Zé Francisco.

O vereador João Victor se elegeu pelo PSDB, Paulo César Bejú no PSD e Dr. Zé Francisco pelo PSB.

O vereador Gean Paraibano também mudou de partido, saindo do PMDB da ex-prefeita Fernanda Costa para o PP, que é o partido de Beto Rosado.


senhoritta

Jackson e Glauther permanecem no PSB

O único que integra a base do prefeito na Câmara e que decidiu não mudar de partido foi Jackson Renê, que segue no PSB, partido também do atual vice-prefeito, Glauther Adriano, que continua na legenda.

Na última eleição municipal, que foi suplementar, foi a articulação do vice-prefeito Glauther que garantiu a permanência do partido na base de Tomba, em conversas com os deputados Ricardo e Rafael Motta.

O partido segue na base com e como outros aliados.


m4net

Tomba chorou ao falar da cassação de Fernanda Costa

Tomba Farias já iniciou o seu discurso tocando no assunto da cassação de Fernanda Costa, e ao falar da situação, ele chorou na tribuna da Câmara Municipal.

“O que eu e minha família estamos passando ninguém queira saber. Mas eu já entreguei a Deus tudo o que estão fazendo comigo e com Fernanda. A justiça será feita, e dessa vez pelo povo de Santa Cruz”, disse Tomba no início do discurso, em meio às lágrimas.

O deputado fez um discurso forte e de ataque à oposição, que segundo ele, provocou a maior bagunça jamais observada na história da cidade. “Eu acho que nunca vimos tamanha bagunça e irresponsabilidade. Gente que sentava na cadeira de prefeito, mas ia na rua mostrar “os fundos das calças” para todo mundo ver. Isso é ridículo. É esse povo que quer comandar os destinos de Santa Cruz? Não é isso que vamos fazer com nossa cidade”, narrou.

Tomba ainda fez questão de dizer que Fernanda Costa deixa a prefeitura com mais de 15 milhões em recursos para obras pela cidade. “Se for citar todas as obras não teremos tempo para isso. São inúmeras obras o legado que Fernanda Costa deixa na cidade. Estamos entregando uma prefeitura com algo entre 15 a 20 milhões de reais em caixa para diversas obras. Só faz isso quem tem responsabilidade e amor por Santa Cruz. O que os outros lá [oposição] vão apresentar? O que eles tem de trabalho por Santa Cruz? Eu desafio”.

O discurso do deputado encerrou a convenção, com os aliados de Tomba agitados e eufóricos. Antes dele, falaram Jackson Renê, pelo PSB; Zepe pelo MDB; Ylanna Kelaynne, esposa de Glauther Adriano; o prefeito interino Marco Celito; ex-vereador Thiago Fonseca; o vereador Fábio Dias; o vereador Edmilson Silva; o presidente do PSDB, Ary Gomes; e o candidato a prefeito, Ivanildinho Ferreira.


contex

PSB foi o partido com maior votação na eleição municipal de 2016

Nas eleições de 2016, em Santa Cruz, o PSB contabilizou 27,30% dos votos válidos na proporcional, ou seja, entre os partidos que fizeram coligação para vereador, a legenda conquistou essa grande parcela de votos.

Foram 5.640 votos que o PSB conquistou.

Raimundo Fernandes, Tarcísio, Jackson Renê, Fabio Dias, Genaro Filho, Edmilson da Rádio, Dr Zé Francisco e Jane de Balelê foram os candidatos do partido naquela eleição.

Além da forte votação em 2016, agora em 2019 terá um candidato a prefeito e vice-prefeito.


r87

Mudanças com o PSB faz oposição segurar divulgação dos seus candidatos

O grupo da oposição de Santa Cruz tem segurado a informação de quem será o candidato a prefeito e vice-prefeito do bloco, nas eleições suplementares de fevereiro de 2019.

O blog consultou várias lideranças, e muitos deles confirmam que Péricles Rocha, ex-prefeito, tem muita viabilidade para ser o candidato, mas enfrenta dificuldades pessoais para ser o nome da oposição.

O ex-vereador Josemar Bezerra confirmou ao blog que a dúvida da cabeça da chapa é entre ele e Péricles.

Agora à noite, conversando com uma fonte do bloco oposicionista, a informação é que o cenário sem o PSB precisa ser analisado, ou seja, pode pintar mudanças até amanhã.

O anúncio oficial será feito após a convenção de Ivanildinho e Glauther, sendo esta última marcada para a manhã desta sexta-feira (28).

Vamos aguardar!


m4net

Gustavo Carvalho e João Maia são os principais articuladores da oposição

O blog ficou sabendo que a oposição contou com o apoio de Gustavo Carvalho (PSDB) e João Maia (PR) para tentarem segurar o PSB no grupo da oposição.

Com a aproximação de Rafael Motta (PSB), presidente estadual da legenda, com o grupo da esquerda, onde Zenaide Maia (PHS) está aliada junto à Fátima Bezerra (PT), o momento seria de tentar segurar o partido com o grupo que faz oposição ao deputado Tomba Farias.

No entanto, a articulação de Gustavo Carvalho e João Maia não foram suficientes, os Mottas seguiram a tradicional amizade com a Família Adriano, principalmente na figura de Humberto e Glauther Adriano, que são filiados ao PSB.


r87

Tomba Farias articulou a legenda do PSB e ganhou mais um vereador na base

Nessa articulação pelo PSB o deputado Tomba Farias ganhou mais um vereador para a sua base política, na Câmara Municipal.

O vereador Jackson Renê, articulado com Rafael Motta, acompanhou a decisão da presidência estadual da legenda e seguiu para o grupo de Tomba.

Tomba Farias já contava com cinco vereadores (Fábio Dias, Marco Celito, Renato Locutor, Tarcísio das Horteiras e Edmilson Silva) e agora passa a ter seis aliados, com a chegada de mais um vereador do PSB.

Ganhou a legenda, articulou Prefeito e Vice e ainda ganhou mais um vereador.


alrn-hoz

Fumaça preta no conclave. Definição do PSB fica para esta quinta-feira (27)

Fumaça preta no conclave do PSB de Santa Cruz.

Durante esta noite, duas reuniões aconteceram para definir os rumos das eleições suplementares em Santa Cruz.

Uma em Natal, na sede do PSB, com os Mottas, Tomba, o presidente da legenda municipal, o vereador Jackson Renê, Ivanildinho Ferreira e Glauther Adriano.

Outra reunião em Santa Cruz, com o grupo da oposição, para definir os nomes da disputa, numa articulação com a possível vinda do PSB para o grupo.

A decisão ficou para a manhã desta quinta-feira (27), quando estaremos a 30 dias do aniversário deste blogueiro.

Fumaça preta na política santa-cruzense!

Não “habemus” nada!


alrn-hoz