Pular para o conteúdo

Sociedade

George Soares lamenta morte de psicóloga em Assu e elogia ação rápida da Polícia Civil

Durante a sessão plenária da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, realizada nesta quinta-feira (25), o deputado estadual George Soares (PV) expressou profundo pesar pela morte da psicóloga Fabiana Veras, vítima de homicídio na última terça-feira (23) na cidade de Assu. George Soares também elogiou a pronta resposta da Polícia Civil na elucidação do caso.

“Esses crimes contra as mulheres precisam ser combatidos. Precisamos fortalecer a união entre os poderes públicos para impedir que tragédias como essa se repitam”, afirmou o deputado, destacando a importância da colaboração entre instituições para garantir a segurança da população.

George Soares enfatizou a rapidez com que a Polícia Civil agiu, resultando na prisão do suspeito em Natal no dia seguinte ao crime. Ele ressaltou a contribuição das câmeras de videomonitoramento instaladas pela prefeitura, com apoio de emenda parlamentar de seu mandato, que foram fundamentais para identificar o veículo utilizado no crime.

Por fim, o parlamentar expressou seus agradecimentos à Polícia Civil pelo trabalho diligente e prestou condolências à família enlutada da vítima, reiterando seu compromisso com a busca por justiça e segurança para todos os cidadãos do Rio Grande do Norte.

Repasse de emendas parlamentares pauta líderes na ALRN

O atraso no repasse de recursos, por parte do governo estadual, relativos às emendas parlamentares, foi tema no horário das lideranças durante a sessão plenária desta quinta-feira (25) na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Os deputados José Dias (PSDB) e Coronel Azevedo (PL) externaram sua preocupação quanto ao tema.

“Minhas emendas são em maioria destinadas à saúde, apenas algumas delas são para corte de terra. Sabemos que a saúde é mais do que urgente. Já é um descaso não termos essa liberação, porque em se tratando de saúde, muitas pessoas deixaram de ter um alívio no sofrimento por conta da falta de recursos que o poder público tem obrigação de repassar”, disse José Dias.

“Em relação às emendas para a agricultura, elas são para o pequeno agricultor, não há possibilidade de grandes empresas se beneficiarem dos tostões que o RN está destinando para os seus agricultores. O tempo está passando, estamos em plena estação chuvosa e os recursos se destinam ao Potengi e Agreste”, destacou José Dias.

José Dias também lamentou a morte da psicóloga, em Assu. “Temos de manifestar a nossa dor e solidariedade e refletirmos que a lei tem que ser muito precisa e mais severa do que é hoje”, lamentou.

O Coronel Azevedo iniciou o seu discurso afirmando que o bloco partidário do qual participa irá liberar a tramitação do decreto municipal de reconhecimento de calamidade pública de Ipanguaçu. O município foi afetado pelas chuvas e transbordamento de açudes.

“Iremos contribuir com todas as ações para que o auxílio chegue de forma célere. Infelizmente não foi isso a que assistimos ao longo desses meses. Inclusive coloquei emenda para atender aos agricultores da região e infelizmente, a exemplo do problema nas estradas, o governo não tem sido célere na resolução dos problemas.

Ao final, o deputado citou a agenda administrativa que cumpriu em Brasília, onde foi nomeado para coordenar, no RN, a Frente Parlamentar Mista Invasão Zero.

Azevedo também participou, na Câmara Federal, do Dia Nacional da Agricultura. “O agronegócio brasileiro responde por 21% das riquezas, um quinto dos empregos e mais de 40% das exportações. A ONU quer promover até 2050 a segurança alimentar global”, destacou.

Fecomércio RN reúne 1,5 mil pessoas no início das comemorações de seus 75 anos

Reunindo 1.500 convidados, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Rio Grande do Norte (Fecomércio RN) abriu oficialmente, nesta quarta-feira (24), em Natal, as celebrações dos seus 75 anos de história com o Fórum “Caminhos para o Futuro”, realizado no Teatro Riachuelo. O evento reuniu um grande público – entre empresários, políticos, autoridades públicas e imprensa e gestores do Sistema Comércio RN.

“Este evento é mais do que uma celebração; é um marco que reflete nossa dedicação ao longo de sete décadas e meia. Desde a nossa fundação, a Fecomércio RN tem sido uma voz ativa e um pilar de suporte essencial para os empresários do nosso estado. E, por meio dos nossos 16 sindicatos filiados, nos empenhamos em promover um ambiente de negócios competitivo, com segurança jurídica e um olhar para o desenvolvimento social”, afirmou o presidente do Sistema Comércio no RN, Marcelo Queiroz.

Em sua programação, o Fórum contou com a participação de renomados palestrantes, como o economista Guilherme Mercês, que apresentou um panorama econômico do estado e oportunidades para ampliação da competitividade. Sua apresentação fez parte do “Painel RN em Foco: Parcerias Público-Privadas (PPPs)”, que teve mediação do jornalista Osair Vasconcelos.

Participaram do debate também a Coordenadora da Secretaria Executiva de PPP da Sefaz BA, Maíra Nieto, apresentando o case da Bahia na implementação de projetos nesta modalidade; e o secretário adjunto da Seplan RN, José Dionísio Gomes, que coordena o Programação de PPPs do Governo do Estado, falando sobre as ações em desenvolvimento.

Beleza e superação

Dando continuidade ao evento, a atriz e empresária Giovanna Antonelli compartilhou suas experiências como empreendedora nos setores de beleza e licenciamento de produtos. Por sua vez, o Maestro João Carlos Martins, um dos melhores pianistas do mundo, contou sua trajetória de resiliência, superação e foco em resultados, em uma palestra-show.

No palco, o maestro emocionou a plateia não só com as músicas ao piano: ele convidou o menino João Felipe Dantas, que tem Transtorno do Espectro Autista (TEA) para junto com ele reger uma sinfonia, e expressou seu desejo de que a criança e a família viagem até São Paulo.

Ao final, eles foram surpreendidos com o anúncio de que o Sistema Comércio RN, por meio do Sesc, custeará o encontro que deve acontecer em breve, conforme agenda do maestro e da família.

História e homenagens

O evento também foi palco de homenagem aos familiares do primeiro presidente da Federação do Comércio potiguar, Militao Chaves. A filha, Myrna Chaves, representou a família para receber a comenda João Dinarte Patriota, que homenageia personalidades e entidades que trabalharam em prol do desenvolvimento socioeconômico do RN. Além disso, foi lançado o livro “Antes que seja tarde”, biografia de Militão Chaves.

O evento também marcou o início de uma campanha de comunicação institucional, relembrando as mais de sete décadas de história da Federação.

Comemorações

O Fórum Fecomércio 75 anos – Caminhos para o Futuro foi apenas o início das comemorações do aniversário da Federação, uma entidade que se destaca ao longo de sua história na defesa do setor produtivo e na liderança de um grande sistema de desenvolvimento social, com o Sesc e o Senac.

Ao longo de seus 75 anos, a Fecomércio RN tem se reinventado para atender às necessidades dos segmentos que representa, sendo um pilar da economia norte-rio-grandense. Com mais de 1,6 milhão de atendimentos realizados somente em 2023, a Federação continua a promover um ambiente de negócios sustentável e com segurança jurídica, impactando significativamente a vida dos potiguares.

Após o evento, a expectativa é seguir uma vasta programação ao longo dos próximos meses, com debates de temas prioritários, como já foi o caso das PPPs, Revitalização do Centro de Natal, Leis Complementares da Reforma Tributária, bem como eventos ligados a datas de grande relevância, como o São João e o Brilha Natal Fecomércio RN.

Falta de pagamento das emendas e recuperação da BR-304 pautam lideranças na ALRN

Os deputados José Dias (PSDB), Luiz Eduardo (SDD) e Isolda Dantas (PT) utilizaram o horário destinado às lideranças partidárias na sessão plenária desta quarta-feira (24) na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte para tratar de temas relevantes para o estado. O não pagamento das emendas parlamentares impositivas voltou a ser apontado pelo deputado estadual José Dias.

“O que vemos é uma falta de respeito ao Poder Legislativo quando o interesse desta Casa não é atendido pelo chefe da Casa Civil. Não temos a liberação das emendas porque isso precisa passar pelo crivo do chefe da Casa Civil”, afirmou.

José Dias disse que o Governo do Estado está promovendo um “desvio de função sobre o ponto de vista administrativo, ético e moral” quando faculta a autoridade acerca dos pagamentos das emendas ao chefe da Casa Civil, quando, na verdade, explicou, “isso é função da Secretaria de Planejamento”.

Também criticando as ações do Governo do Estado, o deputado Luiz Eduardo (SDD) externou indignação com a postura do Executivo em relação a obra de recuperação do trecho da BR-304, em Lajes, danificado em função das fortes chuvas.

“Fiz aqui a sugestão de fazer a ponte de ferro, que poderia ser solicitada ao Exército, mas disseram que não era possível. Mas parece que lá no Maranhão, em um trecho da BR-222, eles me ouviram e concluíram a ponte de ferro numa situação semelhante e num período de cinco dias”, informou.

Luiz Eduardo ainda expôs o drama vivido pelos moradores das cidades circunvizinhas ao trecho interditado. Antes de encerrar sua participação, abordou problemas no Hospital Walfredo Gurgel e a greve da Polícia Civil.

Em resposta, a deputada Isolda Dantas (PT) esclareceu a negativa do Governo do Estado em relação a instalação de uma ponte de ferro no trecho da BR-304, interditada na altura do município de Lajes desde o dia 31 de março, quando uma ponte caiu na estrada.

“A ponte de ferro que o Exército tem não é suficiente para resolver o problema. ela tem apenas 75 metros de extensão e o dano foi tão grande, que precisa de uma ponte de 120 metros”, explicou enquanto enfatizava as avarias nos dois lados da ponte que foi destruída. “Não é tão simples assim”, finalizou.

Ubaldo Fernandes cobra ao Governo celeridade no programa tapa-buracos

As más condições de conservação das rodovias estaduais do Rio Grande do Norte voltaram a ser pauta na Assembleia Legislativa. Em pronunciamento durante a sessão plenária desta quarta-feira (24), o deputado Ubaldo Fernandes (PSDB) cobrou ao Governo do Estado celeridade na execução do programa de tapa-buracos em diversas estradas potiguares.

“Tenho recebido reivindicações de lideranças políticas do interior do Estado para que cobremos do Departamento de Estradas de Rodagem (DER/RN) agilidade no processo de tapa-buracos em importantes vias do RN. Dentre elas, a recuperação da RN-120, em Parazinho, que está totalmente deteriorada, dificultando o tráfego e prejudicando a população”, disse Ubaldo.

O parlamentar também pediu prioridade na recuperação da rodovia que liga a cidade de Ipanguaçu a municípios vizinhos. De acordo com ele, “as condições da estrada pioraram em razão da interdição da RN-304, que intensificou o tráfego naquela via. Que o Governo do Estado, minimamente, inicie a operação tapa-buracos para minimizar a situação”, ponderou Ubaldo. “Hoje o maior problema do estado são as nossas rodovias”, acrescentou.

ALRN aprova Lei que assegura 10% das vagas nos concursos para pessoas com deficiência

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovou nesta terça-feira (23) um Projeto de Lei que assegura até 10% de vagas nos concursos públicos às pessoas com deficiência. A matéria, de autoria do deputado estadual Ubaldo Fernandes (PSDB), foi aprovada por unanimidade. A matéria segue agora para a sanção ou veto da governadora Fátima Bezerra (PT).

“A realidade do Rio Grande do Norte mostra um número discrepante entre as pessoas com deficiência e a oferta de lugares que devem possuir os concursos públicos estaduais para esse segmento da sociedade”, disse o deputado. Segundos dados do IBGE, quase 10% da população do Estado apresenta alguma deficiência.

Também foram aprovados na sessão outros 9 projetos de iniciativa do deputado Ubaldo. Entre os principais estão o que institui a Campanha “Oftalmologista na Escola” e a fixação de penalidades administrativas às pessoas físicas ou jurídicas e agentes públicos que discriminem ao que possuem Transtorno do Espectro Autista no Estado.

De autoria do presidente da Casa, deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB), foi aprovada matéria que reconhece como Patrimônio Cultural Imaterial do Estado a Filarmônica “Monsenhor Honório”, a Banda de Música do município de Macau. Já por proposição do deputado Gustavo Carvalho (PSDB), foi aprovada proposta que torna obrigatória a publicação, em sítio eletrônico oficial, bem como no anexo da LDO, de informações detalhadas a respeito das renúncias fiscais no RN.

Os deputados estaduais ainda aprovaram um projeto de autoria do Poder Executivo que retifica valores nas tabelas de vencimentos constantes da Lei Complementar Estadual Nº 698, de 22 de fevereiro de 2022.

Tomba Farias chama atenção para bloqueio de audiência pública em Afonso Bezerra

O deputado estadual Tomba Farias (PSDB) utilizou o horário destinado às lideranças partidárias na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte para abordar dois temas. Abrindo sua fala na manhã desta terça-feira (23), o parlamentar trouxe à tona uma situação envolvendo a cidade de Afonso Bezerra.

O primeiro tema tratado pelo deputado diz respeito a audiência pública sobre transporte escolar, que foi aprovada por unanimidade pelos vereadores do município. No entanto, a presidente da Câmara Municipal proibiu a realização do evento nas dependências da Casa Legislativa. Tomba Farias expressou sua indignação com o ocorrido.

“Não podemos aceitar. Nos tempos que vivemos hoje, de democracia, as portas da Casa do Povo foram fechadas e a audiência aconteceu no meio da rua. Não quero acreditar que isto esteja acontecendo na cidade de Afonso Bezerra”, afirmou expressando indignação.

Tomba Farias sugeriu que os vereadores convoquem o Ministério Público para comunicar sobre tal medida tomada pela presidente da Câmara Municipal. “Isso é um absurdo. É inadmissível”, classificou.

Além disso, o parlamentar voltou a cobrar o pagamento das emendas parlamentares, destacando que na semana passada foi realizada uma reunião com 14 parlamentares para tratar do assunto. Durante a reunião, segundo ele, o líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Francisco do PT, não conseguiu definir um valor exato para o pagamento e o acordado para esta terça-feira (23) novamente deixou de ser cumprido. Tomba Farias exigiu que o compromisso fosse honrado para beneficiar os municípios do estado.

O horário destinado às lideranças partidárias é uma oportunidade para os líderes se pronunciarem sobre temas relevantes para as bancadas que representam.

Ubaldo Fernandes destaca projetos de apoio a pessoas com deficiência

Durante seu pronunciamento na sessão plenária desta terça-feira (23) na Assembleia Legislativa, o deputado Ubaldo Fernandes (PSDB) destacou os projetos de lei, de iniciativa do seu mandato, voltados para as pessoas com deficiência (PCD).

“Agradeço o apoio dos colegas que aprovaram por unanimidade dez projetos importantes que vêm acima de tudo dar dignidade às minorias”, disse o deputado.

Ubaldo citou especificamente o projeto de lei que dispõe sobre cláusula nos editais de concurso público do RN que ampliaram a cota para as pessoas com deficiência de 5% para 10%. “Temos um levantamento estatístico de que o RN tem sido um dos que violam os direitos das pessoas com deficiência e após sanção governamental, os concursos terão uma margem ampliada de até 10% para que as pessoas com deficiência possam se engajar no serviço público”, destacou.

Outro projeto citado pelo parlamentar foi o que fixa penalidades administrativas às pessoas físicas ou jurídicas e agentes públicos que discriminem as pessoas com TEA, o Transtorno do Espectro Autista. “Quem atendê-los mal, terá punição administrativa. Com a aprovação, nossa Casa mais uma vez mostrou sua preocupação com o respeito e inclusão social”, finalizou.

Governo do RN promove mais 236 profissionais da segurança pública

A governadora Fátima Bezerra promoveu, nesta sexta-feira (19), um total de 236 profissionais da segurança pública do estado, entre oficiais e praças da Polícia Militar do Rio Grande do Norte e do Corpo de Bombeiros Militar. A promoção saiu no Diário Oficial do Estado deste sábado (20).

Sob sua gestão já foram realizadas 14.924 promoções entre oficiais ew praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar.

Por parte dos bombeiros militares, foram promovidos 25 praças e seis oficiais, totalizando 1.131 ao todo, “mais do que o efetivo previsto em lei”, ressalta o comandante do Corpo de Bombeiros Militar do RN, coronel Luiz Monteiro.

“São mais de quatorze mil promoções, demonstrando uma política de valorização de recursos humanos, uma valorização que antes os militares estaduais tinham que entrar na justiça para ser promovidos e implantarem ao salário, e hoje está sendo dado o direito deles no tempo certo”, enfatiza o Secretário da Segurança Pública e da Defesa Social, coronel Francisco Araújo.

A promoção inclui terceiros sargentos, segundos e primeiros subtenentes, além de coronéis, tenentes-coronéis e majores da Polícia Militar; e também subtenentes, primeiros, segundos e terceiros sargentos, mais os oficiais do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte.

Divulgados locais de prova do concurso do Banco do Nordeste

Foram divulgados nesta sexta-feira, 19 de abril, os locais de prova do concurso público para provimento de vagas e a formação de cadastro de reserva do cargo de Nível Médio de Analista Bancário do Banco do Nordeste. Os cartões de confirmação dos candidatos podem ser acessados no site da Fundação Cesgranrio (link).

As provas objetivas serão aplicadas no dia 28 de abril, domingo, e contarão com 60 questões de múltipla escolha, sendo 20 de Conhecimentos Básicos e 40 de Conhecimentos Específicos.

O Banco do Nordeste oferece 410 vagas imediatas e mais 300 para cadastro de reserva. Os candidatos vão concorrer a cargos nos estados da área de atuação do BNB: Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

Os contratados, após homologação do certame, estarão subordinados à Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Entre os benefícios oferecidos, destacam-se auxílio-refeição, auxílio cesta alimentação, 13ª cesta alimentação, auxílio-creche, seguro de vida, possibilidade de participação em plano de previdência complementar de forma contributiva e oportunidade de ascensão e desenvolvimento profissional.

Os gabaritos das provas devem ser divulgados no dia seguinte à aplicação, 29 de abril. Já o resultado do certame está previsto para 28 de junho de 2024. Todas as informações necessárias para os candidatos estão disponíveis nos sites da organizadora do certame, a Cesgranrio, e do Banco do Nordeste (link).

Região Oeste concentra incidência de queda de raios entre janeiro e março, aponta Neoenergia Cosern

As constantes quedas de raios em cidades do interior do Rio Grande do Norte, principalmente, têm chamado atenção de moradores. O número de descargas atmosféricas cresceu no estado no primeiro trimestre deste ano conforme levantamento da Neoenergia Cosern através da Plataforma Climatempo. De janeiro a março foram registrados 71.601 raios – com maior incidência nas cidades da região Oeste. Esse número representa aumento de 7,21% em comparação com o mesmo período do ano passado.

“O fenômeno de queda de raios no estado tem chamado atenção não somente pelo aumento da quantidade de ocorrências, mas por também provocar danos ao sistema elétrico com mais frequência. Somente nos três primeiros meses de 2024, nós registramos danos em 155 transformadores distribuídos por diversas regiões potiguares. O maior número de casos, porém, se concentra na região Oeste”, destaca Rafael Biondi, engenheiro eletricista da Neoenergia Cosern.

Ao longo de 2023, cerca de 113 mil raios caíram em todo o estado, aumento de 40% comparado a 2022. Os três municípios mais atingidos por descargas no ano passado foram Mossoró (7.902), Apodi (5.420) e Campo Grande (5.034). Os raios provocaram mais de 3.200 interrupções no fornecimento de energia elétrica, deixaram mais de 432 mil unidades consumidoras sem o serviço e danificaram mais de 400 equipamentos do sistema, incluindo postes, transformadores e cabos.

Ranking (1º de janeiro a 31 de março de 2024)

  • Apodi: 7.124 raios
  • Caraúbas: 5.253 raios
  • Campo Grande: 5.244 raios
  • Upanema: 5.222 raios
  • Santana do Matos: 4.869 raios
  • Assu: 4.558 raios
  • Mossoró: 4.396 raios
  • Gov. Dix-Sept Rosado: 3.940 raios
  • Jucurutu: 3.373 raios
  • Caicó: 3.006 raios

Orientações de segurança em casos de chuvas com raios

  • Busque abrigo tão logo veja nuvens carregadas no céu ou escute um trovão;
  • Evite colher frutas, legumes ou verduras, abrigar-se ou caminhar perto de árvores;
  • Não fique próximo a animais e nem ande a cavalo;
  • Não fique próximo a cercas de arame;
  • Não fique próximo a objetos metálicos pontiagudos como enxadas, pás e facões;
  • Não se abrigue debaixo de varandas, barracos e celeiros;
  • Não caminhe em áreas descampadas;
  • Não fique parado em rodovias, ruas ou estradas;
  • Não suba em locais como telhados, terraços e montanhas;
  • Não tome banho em praia, rio, açude ou piscina durante uma tempestade;
  • Não utilize equipamentos elétricos ligados à rede elétrica;
  • Não fale ao telefone com fio ou utilizar o celular conectado ao carregador;
  • Não tome banho utilizando o chuveiro elétrico.

Foto: Divulgação / Neoenergia Cosern

Eudiane Macedo alerta que atraso no IPTU leva a leilão de casas na Zona Norte

A deputada estadual Eudiane Macedo (PV) usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, nesta quinta-feira (18), durante sessão ordinária, para tratar da cobrança do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), especialmente na Zona Norte de Natal. De acordo com a parlamentar, a cobrança do imposto tem preocupado os proprietários dos imóveis.

“Mesmo existindo a possibilidade de parcelamento, a prefeitura precisa conscientizar a população de maneira mais clara e dizer que o atraso no pagamento do imposto pode levar ao leilão da casa. Além disso, o cidadão que paga seus impostos, mesmo com tamanha dificuldade, precisa ter um retorno como uma rua calçada, uma coleta de lixo regular, uma Unidade Básica de Saúde (UBS) que funcione, dentre outros serviços”, discursou.

A parlamentar ressaltou que diariamente recebe pessoas em seu gabinete e em casa, preocupadas com a possibilidade de leilão das casas que estão com o Imposto em atraso e o proprietário não tem condições de pagá-lo. “Recebo diariamente pessoas na minha casa, no meu gabinete, no meu escritório na Zona Norte, preocupadas porque o oficial de justiça diz que o imóvel será leiloado. Precisamos encontrar formas e possibilidades para que esse pagamento seja feito, mas dentro das condições de cada um. E essa situação deve ficar clara nas campanhas da prefeitura. As consequências do não pagamento também devem ser divulgadas”, sugeriu.

Na ocasião, Eudiane Macedo também fez um apelo a prefeitura para que os impostos pagos pelos moradores da Zona Norte sejam investidos naquela região. “Nosso apelo a Prefeitura é que esses investimentos sejam prioridades nas comunidades e que a população, mesmo com tanto aperto financeiro, pague o imposto e tenha retorno através de melhorias em seu bairro”, cobrou.

Monsenhor Valdir Cândido é nomeado reitor do Colégio Brasileiro

Monsenhor Valdir Cândido de Morais, atual Vigário Episcopal para a Administração e pároco da Catedral Metropolitana, da Arquidiocese de Natal, foi nomeado reitor do Pontifício Colégio Pio Brasileiro, em Roma. A nomeação foi feita pelo Dicastério para o Clero, da Santa Sé. O documento, assinado pelo prefeito da Congregação, Cardeal Lazzaro You Heung Sik, define que Mons. Valdir deve assumir a função, a partir de primeiro de julho próximo, para um mandato de três anos.

O anúncio da nomeação foi feito, na manhã nesta terça-feira, 16, por ocasião da 61ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil, que acontece em Aparecida (SP).

Pio Brasileiro

O Pontifício Colégio Pio Brasileiro foi inaugurado em 3 de abril de 1934, com a missão de acolher seminaristas e padres do Brasil que necessitam morar em Roma, na Itália, a fim de estudar. Nestes 90 anos de história, já passaram pela Casa mais de dois mil estudantes, entre eles o Mons. Valdir, que lá residiu entre 2010 e 2012, época em que fez mestrado em Teologia do Matrimônio e da Família, na Pontifícia Universidade Lateranense. Nesse mesmo período, ele foi presidente do Conselho de Alunos do Colégio. Atualmente, os Padres Francisco de Assis da Silva e João Gabriel do Nascimento Ribeiro, ambos da Arquidiocese de Natal, residem no Pio Brasileiro, para fazer doutorado, em Roma.

Mons. Valdir Cândido de Morais vai suceder o Padre José Otácio Oliveira Guedes, que é do clero da Arquidiocese de Niterói (RJ), e que assumiu a direção da casa nos últimos três anos.

Pesquisa Consult/BG: Fernanda Costa tem 50,2% e Péricles 32,8%

 

O BLOGDOBG publicou uma pesquisa Consult realizada em Santa Cruz sobre a corrida eleitoral e avaliação administrativa. A pesquisa foi realizada nos dias 8 e 9 de abril com 500 entrevistas e margem de erro de 4,38%. O levantamento foi registrado no TRE-RN no número RN-00056/2024.

No cenário estimulado para a Prefeitura, Dra. Fernanda lidera com 50,2% contra 32,8% de Péricles. Já 10,2% não sabe dizer e 6,8% nenhum.

CAERN regulariza abastecimento da adutora para Santa Cruz

Após denúncia do diretor do SAAE sobre a irregularidade do abastecimento da CAERN em Santa Cruz, pela Adutora Monsenhor Expedito, a vazão voltou a sua normalidade. O diretor Cristiano Dias explicou ao blog que mesmo chegando água, é preciso que a quantidade de água seja suficiente para as bombas abastecerem cada setor.

“Se não tem água suficiente para ligar dois setores ao mesmo tempo, como fazemos sempre, vamos ter mais dias de rodízio. Se a CAERN manter a quantidade que envia, sem paradas de surpresa e manutenções que não esperamos, vamos conseguir cumprir pelo menos o rodízio. Sem água suficiente não tem como ligar uma bomba”, explicou Cristiano.

Ontem (11) à noite, o diretor publicou um vídeo sobre a situação do baixo nível de abastecimento, o que paralizou parte do sistema de bombeamento do SAAE. A CAERN já justificou publicamente em outras ocasiões que a adutora está no seu limite, e não existe condições para aumentar a oferta de água na cidade.

Deputados querem união da classe política para resolver problemas do RN

 

A dificuldade em se conseguir a união da classe política potiguar foi a pauta dos pronunciamentos durante o horário dos deputados, na sessão desta quinta-feira (11) da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Para os parlamentares, o Estado tem ficado para trás em relação aos vizinhos Pernambuco e Paraíba, justamente pela desunião que existiria entre seus representantes na hora de se buscar melhorias para a população.

O primeiro a se manifestar foi o deputado estadual Dr. Bernardo (PSDB), que relatou ter feito uma viagem até o interior de Pernambuco, passando também por estradas da Paraíba. “Fiquei muito feliz com o que vi nos dois estados, muitas máquinas trabalhando, estradas sendo duplicadas, e aqui a nossa BR-304 com tanta dificuldade. É preciso união. Não basta falar em projeto executivo, tem que buscar recursos. Na PB e PE as coisas estão acontecendo e estamos atrasados”, disse.

Dr. Bernardo relatou que estas ações são causas “suprapartidárias” e que merecem a união de toda a classe política. “É preciso fazer a convocação para todos os deputados estaduais e federais, senadores, a governadora. Não há reunião do presidente Lula com nossos representantes, nossa bancada. E nós precisamos discutir temas onde o RN precisa avançar, em especial a BR 304”.

O deputado estadual José Dias (PSDB) também concordou com a cobrança feita por Dr. Bernardo, acrescentando que todos os políticos foram eleitos prometendo representar os interesses dos eleitores. “É necessária sim a união das forças políticas. A responsabilidade principal é da governadora, mas todos temos nosso dever. Temos que nos unir para resolvermos esses problemas”, afirmou.

José Dias ainda abordou o atraso no pagamento das emendas parlamentares e demonstrou preocupação quanto ao destino dos recursos que estão sendo arrecadados no Estado. “RN tem recebido chuva de dinheiro e não se sabe para onde vai. Estão dilapidando, estão jogando fora. Não há explicação. Atraso das emendas é uma responsabilidade administrativa e penal. Constituição manda pagar, não pagando é crime de responsabilidade”, acrescentou.

O último a se pronunciar foi o deputado estadual Neilton Diógenes (PP), que também enfatizou a importância de uma maior parceria dos representantes políticos potiguares. “Mas essa união que aqui se pede tanto, não conseguimos ver na prática para buscarmos a eficiência dos nossos estados vizinhos, que caminham para o desenvolvimento e desburocratização. Sabemos da capacidade do estado, dos potenciais que podemos apoiar, dos anseios da população no sentido de avançar na economia, na segurança, mas não encontramos o caminho ainda. Que possamos de verdade colocar em prática a política a favor do povo que realmente precisa da resposta”, finalizou.

Adjuto Dias volta a cobrar regularização de insumos para Hospital Regional de Caicó

Em pronunciamento na sessão plenária desta terça-feira (9), na Assembleia Legislativa, o deputado Adjuto Dias (MDB) voltou a cobrar a regularização no fornecimento de insumos básicos para o Hospital Regional Telecila Freitas Fontes, em Caicó. O parlamentar destacou o envio do pleito em novo requerimento encaminhado ao Governo do Estado.

“Importante destacar que nos últimos dias recebemos relatos que a unidade de saúde enfrenta sérias dificuldades devido à falta de itens essenciais como luvas e medicamentos para o atendimento aos usuários. Informações como essa chegam corriqueiramente ao nosso conhecimento e, além de audiência pública que já promovemos anteriormente para debater o assunto, este já é o terceiro ou quarto requerimento que encaminho”, disse Adjuto.

Adjuto lembrou ainda a recente visita da Comissão de Saúde da ALRN à Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat), oportunidade em que também foi constatada a falta de insumos. “Além disso, a já delicada situação na Saúde do RN se agrava agora pelas notícias em âmbito estadual que apontam para o indicativo de greve por parte dos servidores da saúde”, afirmou.

O deputado declarou que estuda o encaminhamento de requerimento à Comissão de Saúde da Casa Legislativa solicitando que o órgão interceda junto ao Executivo Estadual em busca de providências, “pois as medidas tomadas até o momento pelo Governo do Estado não são as que a população espera. Registro o meu repúdio diante do descaso da administração estadual com a Saúde do RN. Vamos seguir vigilantes e propositivos”, concluiu.

Josemar Bezerra passa a fazer parte do grupo governista e apoia a pré-candidatura de Fernanda Costa

Vereador de quatro mandatos, Josemar Bezerra, agora é membro do grupo de situação de Santa Cruz. Ele passa a apoiar a pré-candidatura de Fernanda Costa (PL).

A confirmação do apoio aconteceu com o deputado Tomba Farias, o prefeito Ivanildinho Ferreira (PL) e o presidente da Câmara, Fábio Dias, na noite desta sexta-feira (05).

Josemar Bezerra e seu filho, João Victor, se filiaram ao PL e registraram esse momento com a foto.

Coronel Azevedo repercute investigação que apura fraude na compra de respiradores

Em pronunciamento na sessão plenária desta quinta-feira (4), na Assembleia Legislativa, o deputado Coronel Azevedo (PL) repercutiu as notícias que circulam na imprensa nacional sobre delação premiada que cita suposta participação do ex-governador da Bahia e hoje ministro da Casa Civil, Rui Costa, em fraude na compra de respiradores, em 2020, durante a pandemia de Covid-19. De acordo com o parlamentar, a ALRN foi a primeira Casa Legislativa do País, à época, a constituir Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar os fatos.

“Esta Casa foi destaque no Brasil como o primeiro parlamento a abrir CPI sobre desvio de recursos públicos do povo potiguar e nordestino por parte do Consórcio Nordeste – a chamada ‘CPI dos Respiradores’. Circula por todo o País notícia sobre delação que implica o ex-governador Rui Costa como beneficiário do desvio de dinheiro”, disse Azevedo.

O deputado defendeu a continuidade das investigações e a devolução dos recursos aos cofres públicos. “Infelizmente o nosso Rio Grande do Norte faz parte de um consórcio que escolheu uma empresa totalmente incapaz de entregar o que vendeu. Perdemos R$ 50 milhões na compra de respiradores que, se entregues, muitas vidas teriam sido salvas. É uma delação muito grave. O Brasil vive a busca do dinheiro desviado que nunca voltou aos cofres públicos”, concluiu.

Após 50 dias, PF e PRF recapturam no Pará foragidos da penitenciária federal de Mossoró

A Polícia Federal informou nesta quinta-feira (4) que recapturou, em Marabá (PA), os dois fugitivos que haviam escapado da Penitenciária Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. 

Rogério da Silva Mendonça, de 35 anos, e Deibson Cabral Nascimento, 33 anos, tinham fugido do presídio no dia 14 de fevereiro – foram 50 dias até a recaptura

“Na tarde desta quinta-feira (4), em uma ação conjunta das polícias Federal e Rodoviária Federal, foram presos, em Marabá (PA), os foragidos do Sistema Penitenciário Federal Rogério Mendonça e Deibson Nascimento”, informou a PF em nota oficial. 

Investigadores informaram à TV Globo que a dupla deve ser devolvida a Mossoró – e que essa transferência seria uma “questão de honra” para o Ministério da Justiça, que coordena o sistema penitenciário federal. 

Os dois presos, originalmente do Acre, estavam na unidade desde setembro de 2023 e integram a facção criminosa Comando Vermelho. 

Os dois abriram passagem por um buraco atrás de uma luminária do presídio e cortaram duas cercas de arame usando ferramentas de uma obra que ocorria no local para escapar. 

Foi a primeira fuga registrada na história do sistema penitenciário federal, que inclui ainda penitenciárias em Brasília (DF), Catanduvas (PR), Campo Grande (MS) e Porto Velho (RO).

Recaptura envolveu força-tarefa

Após a fuga, autoridades locais e federais criaram uma força-tarefa para capturar os fugitivos. O grupo incluía a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil e Polícia Militar do estado. 

A Força Nacional também foi enviada para ajudar na operação, mas deixou a força-tarefa em 30 de março, após 46 dias de buscas. Segundo o Ministério da Justiça, a partir de então, as buscas passaram a ser focadas em ações de inteligência. 

Segundo um levantamento da GloboNews, apenas com as forças federais, a operação custou R$ 2,1 milhões aos cofres públicos. Veja abaixo: 

  • Polícia Federal: R$ 497.812
  • Secretaria Nacional de Políticas Penais (Senappen): R$ 372.218,62
  • Força Nacional: R$ 1.245.549
  • Total: R$ 2.115.579

Portal g1