Caminhada Histórica do Natal receberá homenagem na Assembleia Legislativa do RN

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte realizará, na próxima segunda-feira (02) uma sessão solene em homenagem a Caminhada Histórica de Natal, que está completando 8 anos em 2019. O evento será às 10h30 na sede do Legislativo, e foi uma propositura do presidente da Casa, deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB).

A Caminhada Histórica, que já faz parte do calendário de eventos de Natal, percorrerá os principais monumentos da cidade, com a contextualização histórica e o resgate da memória e da identidade natalense. A entrega das camisas para os participantes ocorrerá a partir desta quinta-feira (28) às 11 horas na Coordenadoria de Gestão de Pessoas, na sede da Assembleia Legislativa, bairro de Cidade Alta. Basta que os interessados levem 2 kg de alimento não perecível. A Caminhada será realizada no sábado (30), a partir das 15 horas, e a saída será na Praça André de Albuquerque.

“É importante reconhecer o esforço de quem contribui para fortalecer a cultura da nossa cidade. A Caminhada destaca pontos turísticos e históricos da capital potiguar e atrai a atenção da sociedade para a preservação do nosso patrimônio”, disse Ezequiel.

Organizada pela Viva Entretenimento, a Caminhada tem como objetivo resgatar o amor à cultura da cidade e destacar a importância do patrimônio histórico. “A ideia é difundir a diversidade cultural da capital potiguar junto aos jovens e mostrar que, além da reconhecida beleza litorânea, existe uma riqueza histórica que merece chegar à população”, ressalta Jarbas Filho, diretor da Viva Entretenimento.

Na oportunidade serão homenageados nomes que se destacaram no apoio à Caminhada Histórica desde a sua primeira edição, que são Alexandre Jardim Rocha; Antônio Felipe Rodrigues Torres; Felipe Fernando Neves Monteiro; Ítalo Mitre Alves de Lima; Jarbas Fernando Monteiro do Nascimento; Jean Valério Gomes Damasceno; Lenin Campos Soares; Luiz Gustavo Pereira Martins Filho; Suzana Emilia Manso de Souza Borba; e Virgínia Célia Fernandes. Também na ocasião serão premiados os vencedores dos concursos de Redação, Música e Fotografia deste ano.

Beto trabalha para viabilizar parceria entre UERN e EBC

O deputado Federal Beto Rosado (PP) esteve nesta terça-feira, 26, na Empresa Brasil de Comunicação (EBC), onde, ao lado do reitor da Universidade do Rio Grande do Norte (UERN), Pedro Fernandes, defendeu a possibilidade de parcerias entre a Empresa e a Universidade.

Na EBC, os dois foram recebidos por Rony Baksys, diretor-geral e por Denilson Morales, gerente de operações. O parlamentar abriu um diálogo no sentido de afinar uma possível parceria entre a UERN e a EBC, visando uma troca de conteúdos para rádio e TV, assim como para estágios.

Emendas

Ainda nesta quarta-feira, 27, Beto Rosado, acompanhado do reitor Pedro Fernandes esteve em audiência com o secretário especial de Relações Institucionais da Presidência da República, Abel Ferreira Leite Neto.

Em pauta, a liberação dos pagamentos das emendas impositivas da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte e também a liberação de recursos provenientes de emendas impositivas e extras orçamentárias de autoria do deputado.

Audiência pública no Legislativo discute Plano Estadual de Cultura

Dirigentes e formadores de opinião do segmento cultural do Estado se reuniram, na tarde desta quarta-feira (27), na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN), para debater o Plano Estadual de Cultura do RN. Proposto pelo deputado Ubaldo Fernandes (PL), o encontro aconteceu no Auditório Cortez Pereira.

De acordo com Ubaldo Fernandes, o Plano Estadual de Cultura do RN está contemplado no Projeto de Lei n° 0083/2014, processo n° 1070/2014. O texto foi elaborado em 2012, mas está parado na Comissão de Constituição, Justiça e Redação da ALRN desde agosto de 2016.

“Devido à importância deste Plano para o nosso Estado, busquei apoio junto ao presidente da Fundação José Augusto, Crispiniano Neto, para traçarmos algumas modificações ao projeto original, considerando o longo período em que ele esteve parado. Acreditamos que essas adequações eram necessárias. Agora, vamos debatê-las com a classe cultural e a sociedade potiguar, a fim de apresentar a emenda substitutiva ao projeto de lei original”, esclareceu o parlamentar.

O Plano Estadual de Cultura (PEC) reúne os princípios, objetivos, diretrizes, estratégias e metas que orientam o Setor Público no desenvolvimento da Política Estadual de Cultura. É um documento que contém a descrição de programas, projetos e ações voltados à valorização, preservação e promoção das artes e da cultura regional. Após sua aprovação no Legislativo e sanção no Executivo, o Plano Estadual de Cultura terá validade de 10 anos.

Por meio de vídeo, a parlamentar Isolda Dantas (PT), garantiu que seu mandato está à disposição para fortalecer a luta pela aprovação do Plano. “O Plano Estadual de Cultura é fundamental nessa fase de muita censura em que vivemos, e a história já mostrou a importância da cultura em momentos de luta e resistência”, disse.

Olavo Ataíde, Chefe de Gabinete do deputado Francisco do PT, falou da importância do debate para a valorização da Cultura e Educação do Estado, lembrando que o deputado prestará total apoio à causa.

Iniciando os discursos da Mesa dos Trabalhos, Aécio Candido de Sousa, membro do Conselho Estadual de Educação, mostrou-se favorável ao texto do Plano. “O documento possui cinco pontos principais: gestão e fomento da cultura, diversidade, acesso, participação social e política setorial. Portanto, dá conta dos pontos essenciais da produção da cultura no Estado. Está muito bom. Um ou outro ponto que deve ser ajustado, mas no geral está bom”, opinou.

Seguindo a mesma linha de raciocínio, a Diretora do Núcleo de Arte e Cultura da UFRN, Teodora de Araújo Alves, parabenizou os participantes da produção do documento. “O Plano, a meu ver, está bem estruturado. O desafio agora é como efetivar o que está escrito nele”, destacou.

Para a diretora, um ponto crucial no debate é a compreensão do que se enxerga a respeito de cultura. “Nós precisamos entender a cultura não apenas como forma de entretenimento e lazer, mas como eixo transversal de desenvolvimento social e econômico para o nosso Estado. Pensar em cultura significa lembrar de desenvolvimento, produção de conhecimento, inovação, profissionalização, ou seja, algo perene”, alertou.

Já Tatiane Cristina Fernandes, Secretária Executiva do Fórum Potiguar de Cultura, disse que “o plano está muito distante do que precisaria contemplar”. Segundo ela, “a urgência que a cultura exige não pode ser tratada com pressa”.

Sugerindo modificações ao Plano Estadual de Cultura, Tatiane Fernandes disse que é preciso incorporar ao texto questões sobre Meio Ambiente, Desenvolvimento e Segurança. “A cultura é fundamental para o desenvolvimento social, econômico e para a segurança de qualquer ser humano, porque o trata como prioridade”, complementou.

Francisco Mendes, Pró-reitor de Extensão da UERN, espera diálogo entre o novo Plano Estadual de Cultura e os planos culturais já constituídos no Estado, a exemplo dos documentos da UFRN, da UERN e do Plano Municipal de Cultura de Natal. “O Plano precisa ser muito bem pensado, especificamente na sua relação com a Educação, pois não há compreensão da Arte e da Cultura apartadas do ambiente educacional”, disse.

Quanto aos encaminhamentos, ao final da audiência, o deputado Ubaldo Fernandes disse que já apresentou algumas emendas ao projeto original. Além disso, ele irá requerer aos colegas da CCJ a continuidade de tramitação da matéria na comissão. “Espero que em breve o presidente designe o relator, para que ele dê seu parecer, o projeto passe e depois siga para a Comissão de Educação e Cultura da Casa”, frisou.

“O que eu mais quero é que o projeto avance e se torne realidade rapidamente no nosso Estado. Esperamos aprovar a lei logo no primeiro semestre de 2020. E eu também irei me reunir com Isolda, Francisco, Eudiane e Hermano para formarmos uma Frente Parlamentar em Defesa da Cultura, a fim de dar continuidade a esse e outros projetos relacionados à pauta no Legislativo Estadual”, concluiu.

Seplan reitera urgência à AL na aprovação de dotação orçamentária para pagar salários de 2019

Uma semana após o governador em exercício Antenor Roberto entregar o Projeto de Lei solicitando crédito extraordinário à presidência da Assembleia Legislativa, o secretário estadual de Planejamento e das Finanças, Aldemir Freire, voltou à Casa Legislativa na manhã desta quarta-feira (27) para reiterar a urgência na aprovação do PL. O motivo é a iminência da falta de dotação orçamentária para pagar o salário de dezembro e o 13º de 2019 dos servidores estaduais.

A expectativa do Governo é que o Projeto esteja aprovado até próxima semana sob o risco do não pagamento para parte dos servidores que devem receber no próximo dia 14 de dezembro.

O Projeto deverá ser apreciado pela Comissão de Constituição e Justiça nesta quinta-feira (28). Caso a estimativa de aprovação se cumpra, o Governo conta com agendamento de reunião extraordinária da Comissão de Finanças e Fiscalização na terça-feira (3), para nova apreciação.

Fórum Estadual Mineral será realizado em Natal nesta quinta-feira

O Governo do Estado promove nesta quinta, 28, às 10h, na Escola de Governo, o Fórum Estadual Mineral. O evento tem como objetivo resgatar o papel de destaque do RN na produção mineral nacional.

Com o tema “A mineração no RN e o seu papel na interiorização do desenvolvimento econômico e social” o fórum contará com a participação de empresas, entidades, órgãos públicos e representantes da sociedade civil.

Oi realiza evento de TI com foco em Segurança Cibernética em Natal

A Oi e a Fortinet realizam nesta quarta-feira (20), em Natal, um evento de soluções de segurança da informação com o objetivo de debater sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), formas de defesa cibernética e o surgimento de novas vulnerabilidades. O encontro vai reunir os principais executivos de empresas públicas e privadas da cidade no Restaurante Camarões (Av. Engenheiro Roberto Freire, 3980 – Ponta Negra).

Entre os destaques do evento tem Frederico Siqueira, Diretor de Negócios Corporativos Regional da Oi, Fabio Hermes , Gerente de Vendas Corporativo TI da Oi, José Adelmar Azevedo, Gerente de Vendas Corporativo , além de Jayme Lessa e Henrique Nascimento, da Fortinet.

O evento “Oi & Fortinet Executive Day” vai abordar temas que estão no topo da agenda dos principais líderes de Tecnologia e Segurança do mercado, tais como: Soluções MSS/SD-WAN, DNS Security, Anti DDoS, Soluções de WIFI como Ferramenta de Marketing.

Assembleia Legislativa celebra 40 anos do Encontro de Casais com Cristo

O Legislativo Potiguar realizou sessão solene, na tarde desta terça-feira (19), para homenagear os 40 anos de implantação do “Encontro de Casais com Cristo” (ECC) da Arquidiocese de Natal, circunscrição eclesiástica da Igreja Católica no Estado do Rio Grande do Norte. Proposto pelo deputado Ubaldo Fernandes (PL), o evento reuniu autoridades católicas, casais homenageados e seus familiares.

Discorrendo sobre a história do ECC, o parlamentar contou que os Encontros surgiram no Brasil em 1970, em São Paulo, por intermédio do Padre Alfonso Pastore. Já ao Rio Grande do Norte, esses eventos chegaram em 1979, trazidos para a Arquidiocese Metropolitana de Natal pelo então Dom Francisco Canindé Palhano, hoje bispo Diocesano da Diocese de Petrolina. O primeiro ECC em Natal aconteceu em outubro de 1979, na Paróquia Nossa Senhora das Graças e Santa Teresinha, acolhido por Monsenhor Lucas Batista Neto.

Ubaldo enfatizou que “nesses 40 anos de história, o ECC foi implantado em 77 paróquias da Arquidiocese Metropolitana, com a participação de cerca de 28 mil casais”. Ainda segundo ele, atualmente a missão de dirigente espiritual do ECC na Arquidiocese de Natal é do Padre Roberlan Roberto de Oliveira Gomes.

Ao final da sessão, o Padre Roberlan Roberto fez uma oração e agradeceu as homenagens.

PARADA NA ADUTORA: CAERN realiza manutenção na Monsenhor Expedito em até 48h

Na próxima terça-feira (12), a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) realiza uma manutenção programada na Adutora Monsenhor Expedito. O serviço será realizado próximo a cidade de Monte Alegre e tem previsão de duração de oito horas.

Devido ao serviço o fornecimento de água para as cidades atendidas pela adutora será suspenso, sendo retomado após concluir o serviço. O prazo de normalização é de 48h após a manutenção. As cidades são Ruy Barbosa, São Pedro, São Tomé, São Paulo do Potengi, Japi, Coronel Ezequiel, Jaçanã, São Bento do Trairi, Lajes Pintadas, São José de Campestre, Serrinha, Sítio Novo, Boa Saúde, Serra Caiada, Lagoa de Velhos, Barcelona, Bom Jesus, Lagoa Salgada, Lagoa de Pedras, Tangará, Santa Cruz, Monte das Gameleiras, Serra de São Bento, Passa e Fica, Lagoa D`anta, Monte Alegre, Ielmo Marinho, Santa Maria, Senador Eloi de Souza e Campo Redondo.

Com informações da CAERN

Deputado Gustavo Carvalho homenageia secretário Rogério Marinho

Na tarde desta sexta-feira (8), o deputado estadual Gustavo Carvalho (PSDB) prestou homenagem, em sessão solene na Assembleia Legislativa, secretário especial da Previdência Social, Rogério Marinho, pelos Serviços prestados ao Rio Grande do Norte e ao Brasil. A solenidade ocorreu no plenário Clóvis Motta e foi comandada pelo presidente da Casa, deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB).

Nascido em Natal, Rogério Simonetti Marinho tem 55 anos, e é filiado ao Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB). Após ocupar vários cargos na administração pública, inclusive como presidente da Câmara Municipal de Natal, Marinho foi deputado federal pelo Rio Grande do Norte até 31 de janeiro de 2019. Pouco após o presidente Jair Bolsonaro assumir a Presidência, indicou o potiguar para o cargo de secretário especial da Previdência Social.

Durante seu discurso, o propositor da audiência também relembrou Djalma Marinho (1908-1981), avô de Rogério Marinho. Gustavo Carvalho enalteceu a trajetória de Djalma Marinho, que foi presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa e renunciou à Presidência para “não se submeter a desmandos inaceitáveis do governo de exceção”.

Em seu discurso, o secretário especial da Previdência agradeceu pela homenagem e falou sobre a alegria de estar recebendo a homenagem na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. “Aqui estão as minhas raízes, minha base. Aqui vivi grandes momentos com meus pais, familiares e amigos, aqueles que contribuíram para que eu me tornasse o que sou hoje, por isso me sinto imensamente feliz pela homenagem”, declarou Rogério Marinho.

Também participaram da solenidade o deputado estadual José Dias (PSDB), o conselheiro do Tribunal de Contas, Paulo Roberto Chaves Alves, o vereador Aroldo Alves, o vice-presidente da FIERN, Vilmar Pereira, além dos familiares do homenageado, prefeitos, vereadores e representantes da comunidade.

Lula deixa a prisão

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deixou a prisão em Curitiba após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta sexta-feira (8). A prisão de Lula durou 580 dias, desde 7 de abril de 2018.

O ex-presidente disse que “o alimento da democracia que eu precisava para resistir à canalhice que lado podre do Estado brasileiro, da Justiça, do Ministério Público, da Polícia Federal e da Receita Federal”. Já buscando a polarização com o Bolsonaro, Lula criticou o procurador Deltan Dallagnol, coordenador da Lava Jato no Paraná, e o ex-juiz da operação, Sérgio Moro, atual ministro da Justiça.

Lula falou da “vontade de provar que este país pode ser muito melhor na hora em que tiver um governo que não minta tanto quanto o Bolsonaro pelo Twitter”.

O ex-presidente foi condenado em duas instâncias no caso do famoso tríplex no Guarujá, resultado da Operação Lava Jato, com a pena de 8 anos, 10 meses e 20 dias. Ele continua a responder o processo, mas recorre da condenação em liberdade.

Foto: Joka Madruga/Agência PT

Juiz determina saída de Lula da prisão após decisão do STF

(Lalo de Almeida/The New York Times)

O juiz Danilo Pereira Jr., da 12ª Vara Criminal Federal de Curitiba, aceitou nesta sexta-feira (8) o pedido da defesa do ex-presidente do República Luiz Inácio Lula da Silva e o autorizou a deixar a prisão.

Condenado em duas instâncias no caso do triplex, Lula ficou 1 ano e 7 meses preso na Superintendência da Polícia Federal (PF) de Curitiba. Agora, ele terá o direito de recorrer em liberdade e só vai voltar a cumprir a pena de 8 anos, 10 meses e 20 dias após o trânsito em julgado.

Os advogados pediram a soltura do petista depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou a prisão após condenação em segunda instância. A defesa disse que espera agora a “nulidade de todo o processo, com o reconhecimento da suspeição do ex-juiz Sérgio Moro”.

Informações do G1 Paraná

Foto: Joka Madruga/Agência PT

Gustavo Carvalho diz que fechamento de hospital é ato desumano

Em pronunciamento feito na Assembleia Legislativa nesta terça-feira (5), o deputado estadual Gustavo Carvalho (PSDB) afirmou que o fechamento do Hospital Regional Deoclécio Marques, localizado em Parnamirim, é ato “desumano” do Governo do Estado. Ele disse que o novo modelo de contratação pensado pelo Poder Executivo já foi praticado por outros estados e hoje são alvo de operações que apuram a práticas irregulares.

“Fechar o Hospital de Parnamirim é um absurdo. Trata-se de um ato desumano. O Governo diz que é culpa da burocracia, mas é mentira. O Governo também afirma que os pacientes serão tratados pelo Hospital Estadual Ruy Pereira, mas já sabemos que essa unidade de saúde também será fechada. É um completo absurdo”, declarou o parlamentar no plenário do legislativo estadual.

Gustavo Carvalho também se pronunciou sobre o modelo de contratação pensado pelo Governo, via decreto governamental, com organizações sociais. “Estamos vendo o que aconteceu no Rio Grande do Sul e na Paraíba, com operações em curso, que apuram desvio de dinheiro para uso em campanhas eleitorais”, alertou o deputado, fazendo menção à Operação Calvário.

APARTES Em aparte a Gustavo Carvalho, o deputado estadual Galeno Torquato (PSD) disse que o Governo promove, atualmente, a desregionalização da saúde, usando como exemplo o fechamento do Hospital Regional Dr. Getúlio de Oliveira Sales, em Canguaretama. O deputado estadual Francisco do PT leu, também em aparte, a nota da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), na qual é afirmado que “o Hospital de Parnamirim não deixará de realizar cirurgias”.

Tomba: “Temos uma cidade saneada porque temos o SAAE”

A proposta da CAERN em ganhar novas mais de 13 mil ligações e clientes não foi bem recebida pela parte do município de Santa Cruz, presente na audiência entre os dois órgãos de abastecimento hídrico.

Ivanildinho Ferreira, prefeito municipal, deixou claro que é contra a entrega do sistema para o órgão estadual: “O SAAE é um patrimônio do povo de Santa Cruz, e eu não posso aceitar que a gente entregue assim para o Governo do Estado”.

O deputado Tomba foi além e explicou alguns fatos importantes. “Santa Cruz tem um altíssimo índice de saneamento básico, poucas cidades no Estado tem. Quando fui prefeito nós criamos essa política de calçar ruas e sanear elas, fazendo a rede de abastecimento e esgoto. Eu coloquei uma placa na entrada da cidade: ‘procura-se uma rua para calçar’. Temos uma cidade saneada porque temos o SAAE. Não seria possível fazer todos esses investimentos se não fosse municipalizado o sistema”, defendeu Tomba.

Promotoria quer esclarecimentos do SAAE e da CAERN

O promotor de Justiça de Santa Cruz, Ricardo José da Costa, acompanhou os discursos dos diretores dos órgãos municipais e estaduais, e opinou por uma maior transparência dos entes. A promotoria já encaminhou pedidos de explicações sobre dados do abastecimento.

Um dos pontos interessantes foi a cobrança de transparência quanto a distribuição de água, por exemplo, para o cidadão ficar informado sobre quais setores estão sendo abastecidos e quando outros serão abastecidos. “É importante para o cidadão não só saber se a água vai chegar naquele dia, mas quando ela irá chegar em outro dia”, explicou.

Costa também cobrou dados sobre a “hidrometração”, que segundo o SAAE corresponde a algo em torno de 50% da cidade, e que requer investimentos altos para garantir a instalação dessa modalidade de cobrança. Para a promotoria, seria um ponto importante pois existiria uma cobrança mais justa.

O promotor também exigiu da CAERN dados que confirmassem a sua negação em ampliar a oferta de água em Santa Cruz, além de muitos relatórios sobre o histórico da quantidade enviada para a cidade ao longo dos anos em vários períodos.

A Promotoria observou que a transparência pode ser um ponto importante para esse diálogo entre os dois entes.

Nelter Queiroz cobra melhorias no abastecimento hídrico de Jucuruto

Durante pronunciamento na sessão plenária, nesta terça-feira (5), na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN), o deputado Nelter Queiroz (MDB) cobrou ao Governo do Estado soluções em torno do abastecimento hídrico da Serra de João do Vale, localizada entre os municípios de Jucurutu e Triunfo Potiguar.

Em sua explanação o parlamentar exibiu vídeos onde moradores da serra de João do Vale se mostram indignados com a péssima qualidade da água servida à população local: “Nós tivemos audiência com a classe política destas duas cidades [Jucurutu e Triunfo Potiguar] e o presidente da CAERN [Companhia de Águas e Esgotos do RN], doutor Roberto Sergio Ribeiro Linhares. O presidente tem feito de tudo para resolver este problema, mas infelizmente o problema ainda perdura”.

Nelter Queiroz apelou para que a CAERN resolva a questão e também cobrou que a população da Serra de João do Vale seja tratada com mais cidadania, respeito e atenção. “As prefeituras de Jucurutu e Triunfo Potiguar não têm condições de enviar água de boa qualidade para a serra de João do Vale. Governadora Fátima, já que o Estado recebe recursos do Governo Federal, peço que a senhora coloque à disposição um carro pipa para levar água tratada e matar a sede da população da Serra ou então faça um convênio com os municípios de Jucurutu e Triunfo Potiguar para levar água boa para a localidade enquanto a CAERN viabiliza uma entidade que tomará de conta do abastecimento hídrico da Serra de João do Vale”.

SEGURANÇA

Outro assunto tratado pelo parlamentar diz respeito à transferência do delegado da Polícia Civil de Caicó, Leonardo Germano, para Mossoró. De acordo com Nelter Queiroz, a transferência do delegado não será boa para Caicó, uma vez que o mesmo está realizando excelente trabalho na segurança do município e região, e suas investigações estavam sendo de fundamental importância para desvendar crimes acontecidos em Caicó e região Seridó.

Carreata chama fiéis para festa de Nossa Senhora da Apresentação

Neste domingo, 10 de novembro, vai ser realizada a primeira “Carreata da Apresentação”, em preparação à festa da padroeira da Arquidiocese de Natal e da cidade do Natal, Nossa Senhora da Apresentação. A concentração será às 9 horas, no Santuário dos Mártires, situado na Av. Miguel Castro, no bairro Nazaré. De lá, a carreata percorrerá a Av. Miguel Castro, Av. Coronel Estevão, Av. Amintas Barros, Av. Prudente de Morais, Rua Apodi, Av. Deodoro da Fonseca, terminando na Catedral Metropolitana, onde será dada a benção dos veículos e celebrada missa, às 11 horas.

Festa da Apresentação

A programação da festa de Nossa Senhora da Apresentação terá início na segunda-feira, 11, e seguirá até 21 de novembro, com atividades na antiga Catedral e na Catedral Metropolitana. O novenário será celebrado de 12 a 20, sempre às 19 horas, na Catedral Metropolitana, seguida de quermesse. No dia 21, feriado no município de Natal, a programação iniciará logo na madrugada, com a tradicional missa, na Pedra do Rosário, e se estenderá até o final da tarde, quando acontecerá a procissão, pelas ruas do centro de Natal, encerrando com a missa, em frente à Catedral Metropolitana.

SERVIÇO Carreata da Apresentação LOCAL: Saída do Santuário dos Mártires, no bairro Nazaré, para a Catedral Metropolitana DATA: 10 de novembro, a partir das 9 horas

Jogada corporativa? CAERN só tem solução se incorporar sistema do SAAE

Ao final da sua explanação sobre a situação hídrica, o presidente da CAERN, Roberto Linhares, fez uma jogada que não foi muito bem interpretada para os presentes na reunião.

Minutos antes, Linhares apresentou dados que mostravam uma crise hídrica no RN, além da falta de investimentos para melhoria na Adutora Monsenhor Expedito. No minuto final, tudo mudou e ele disse que teria a solução para o problema hídrico de Santa Cruz, mas apenas se a Prefeitura entregasse o sistema para a CAERN, em resumo: A entrega do patrimônio municipal para o Governo do RN.

A proposta foi rebatida pelo deputado Tomba Farias, que questionou a capacidade de investimento da CAERN. “Como a CAERN quer assumir o abastecimento de Santa Cruz se nas cidades vizinhas também falta água? Como vão resolver isso se o Governo não tem dinheiro para investir na adutora?”, questionou o deputado, que não foi respondido pelos técnicos do órgão estadual.

Tomba explicou que a solução para a CAERN seria a sua privatização, pois o Governo do RN não tem condições para investir na rede de abastecimento. A CAERN não soube responder satisfatoriamente.

Para os presentes na audiência ficou claro que a CAERN só tem solução se o sistema de Santa Cruz for integrado a sua estrutura. Ou seja, uma jogada corporativa bem disfarçada em um discurso técnico do diretor da CAERN.

Assembleia Legislativa media audiência entre SAAE e CAERN

Como já divulgado em nossas redes sociais, o Serviço Autônomo de Águas e Esgotos de Santa Cruz (SAAE) e a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (CAERN) se encontraram na sede da Assembleia Legislativa do RN para discutirem a situação do abastecimento hídrico em Santa Cruz. A proposta foi do Movimento Santa Cruz ao deputado estadual Francisco do PT, que mobilizou os principais entes para a conversa.

Os principais envolvidos estavam presentes na bancada do plenário que recebeu a audiência. O diretor do SAAE, Ângelo Giuseppe, foi quem começou as explicações sobre a situação hídrica da cidade.De acordo com ele, o problema de distribuição de água é constante nesse período de verão, onde o consumo de água aumenta e as chuvas são mais escassas. Nesses três últimos meses do ano, com o volume de água que ele recebe, fornecido pela Caern, ele afirma que só consegue abastecer 80% da demanda local, ficando uma parte da população com as torneiras vazias por dias consecutivos. “Se a Caern tivesse condições de aumentar o volume do fornecimento diário nesses períodos críticos, daria para resolver o problema e ninguém ficaria desabastecido”, disse.

O presidente da CAERN, Roberto Sérgio Linhares, faz uma ampla explanação sobre legislação e questões técnicas da CAERN, ao final explicou que a adutora está operando em sua capacidade máxima, e recomendou que o SAAE amplie as ligações com hidrômetro, e não a cobrança e entrega da água por área construída da residência.

O promotor de Justiça de Santa Cruz, Ricardo José da Costa, disse constatar que nos últimos meses do ano as reclamações e demandas chegam ao seu gabinete, sendo perceptível que é um período de dificuldades no abastecimento em alguns setores. “Estou atuando em Santa Cruz há 4 anos e, realmente, no final do ano é que o problema aflora. As pessoas reclamam de estarem 20 dias sem água. Mas, aparentemente, não é um problema de falta d’água e sim de descontinuidade do serviço”, disse ele.

O deputado Tomba Farias esteve presente e cobrou uma solução imediata por parte da CAERN, para que o município tomasse medidas a longo prazo para reforçar o abastecimento. O prefeito de Santa Cruz, Ivanildinho Ferreira, que também participou do encontro, apesar de reconhecer a necessidade da cidade investir nos hidrômetros, afirmou estar preocupado com uma solução a curto prazo e reforçou o pedido à CAERN de que melhore a quantidade de água fornecida para o município, pelo menos nos meses mais críticos.

Os encaminhamentos foi de mais diálogo entre o SAAE e CAERN, mas soluções práticas a curto prazo não foram estabelecidas. Participaram também o diretor de operações da CAERN, João Alberto Costa, o pároco de Santa Cruz, Padre Vicente Fernandes, o presidente do legislativo de Santa Cruz, Fábio Dias, e o diretor técnico, Irimar dos Santos.

Cirurgias ortopédicas são suspensas no Deoclécio

Do site da Tribuna do Norte

O Hospital Estadual Deoclécio Marques, em Parnamirim, está sem médicos ortopedistas na manhã desta terça-feira (5), primeiro dia após o encerramento do contrato entre Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) e Cooperativa dos Médicos do RN (Coopmed). A situação contraria o pronunciamento da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), que garantiu a manutenção de cirurgias através de médicos com vínculo efetivo com o Estado.

Um comunicado escrito por dois médicos plantonistas noturnos, colocado na recepção do hospital, informa a falta de profissionais para garantir o atendimento 24h na unidade. “Cumpri meu horário de plantão noturno neste serviço e que, ao término do meu turno, não encontrei substituto para o plantão”, informa o comunicado, dirigido à direção técnica do Hospital Deoclécio Marques.

Além da interrupção das cirurgias, também não há consultas com ortopedistas nesta terça-feira. Os pacientes que estavam com horário marcado foram pegos de surpresa ao chegar no hospital e reclamam de não conseguir remarcar o retorno.

É o caso de Gileno Xavier, de 55 anos, do município de Eloi de Souza, distante 70 km de Parnamirim. Gileno sofreu um acidente de moto há 45 dias e quebrou a perna. Ele retornou ao hospital nesta terça-feira para uma consulta de acompanhamento e, ao chegar na unidade, foi informado da falta de médicos. “Não sei quando vou voltar porque não informaram”, disse.

A direção do Hospital Deoclécio Marques não atendeu a reportagem, apesar de se encontrarem presentes na unidade. Questionada pela reportagem, a Secretária Estadual de Saúde Pública (Sesap) afirmou que apura a situação.

Cinco municípios se unem para criar consórcio em prol do desenvolvimento econômico regional

O prefeito Túlio Lemos assinou, na manhã desta sexta-feira (1), o protocolo de intenções para integrar o Consórcio Intermunicipal para Implantação do Serviço de Inspeção Municipal (SIM), uma medida que auxilia no desenvolvimento da economia regional e que ainda reduz os custos do Poder Público. Ao todo, cinco municípios devem fazer parte do projeto.

Túlio destacou que Macau já tentou adotar o Selo SIM no Município por iniciativa da Prefeitura e com ampla discussão e aprovação popular em audiências públicas, mas que a matéria terminou sendo rejeitada na Câmara. Ele espera que, com o consórcio, a medida seja implementada.

“Nós já tivemos essa iniciativa em Macau. Ela já foi amplamente discutida e agora esperamos que ela possa ser aprovada na Câmara. Essa união de municípios vai tornar economia regional mais forte”, destacou.

A gestora de Políticas Públicas do Sebrae RN, Cátia Lopes, elogiou a iniciativa dos prefeitos lembrando que a medida vai impulsionar o desenvolvimento econômico e permitir que os municípios comprem dos pequenos produtores locais que trabalham com produtos de origem animal. Ela adiantou que no próximo dia 13 de novembro os trabalhos serão iniciados.

“Teremos uma reunião para começar a desenhar o protocolo de intenções, para definir sede, rateio, taxas e colocar a mão na massa de fato. Esperamos concluir os trabalhos em 90 dias”, avisou.

Para o técnico da Federação dos Trabalhadores da Agricultura (Fetarn), Joseraldo do Vale, que acompanha o projeto, a iniciativa do Consórcio Intermunicipal visa também a geração de emprego e renda para os integrantes do consórcio, com a compra direta da produção local e a cooperação técnica.

Irão integrar o consórcio os municípios de Macau, Guamaré, Pedro Avelino, Galinhos e Jandaíra.