Emancipação Política

Santa Cruz comemora 145 anos de emancipação política neste sábado (11)

Foto: Adriano Neto

Aprovada pela Assembleia Provincial do RN, em 11 de dezembro de 1876, a emancipação política de Santa Cruz, que foi proposta pelo deputado Coronel Ivo Abdias Furtado de Mendonça e Menezes, desmembrando-se de São José de Mipibu, através da lei provincial nº 777. O significado de emancipação remete para a independência política de um país, estado ou região.

Um município emancipado adquire autonomia política e social, tem poder para se autogerir, tomando decisões políticas e administrativas, com suas própria legislação local.

Neste ano de 2021, o município comemora então 145 anos de sua emancipação. A Prefeitura Municipal desenvolve uma programação desde o dia 1º de dezembro para marcar essa data tão importante da nossa história.

PROGRAMAÇÃO DO DIA 11/12

Para marcar essa data, a programação começou às 5h, com a Alvorada da Banda de Música da cidade. Às 9h, no Santuário de Santa Rita de Cássia, o Padre Vicente Fernandes celebra uma Santa Missa em ação de graças pelo aniversário da cidade.

À noite, às 20h, o Prefeito Ivanildinho faz a entrega de 11 comendas para figuras importantes na história da cidade, com a temática dos 40 anos da Enchente de 1981. Após a cerimônia de entrega das comendas, terá uma seresta com Alvimar Farias e Karla Patrícia.

FERIADOS MUNICIPAIS

Em 2019, o Prefeito Ivanildinho fez a correção da data, antes comemorada em uma data equivocada. Essa medida se deu através de uma lei municipal, que estabeleceu também os feriados municipais, sendo eles: 22 de maio (Dia da Padroeira), 24 de junho (Dia de São João Batista, padroeiro do bairro do Paraíso) e 11 de dezembro (data da emancipação).


r87

Comenda “Hildebrando Teixeira de Souza” será entregue em evento comemorativo dos 145 anos de Santa Cruz

O prefeito Ivanildinho criou através da lei municipal, a Comenda “Hildebrando Teixeira de Souza, que terá os primeiros homenageados no próximo sábado, dia 11 de dezembro, quando Santa Cruz comemora 145 anos de sua Emancipação Política. O evento “Santa Cruz Inesquecível: Terra de Fé e Trabalho” acontecerá às 20h, na Rua Manoel Cícero de Lima, de frente a agência do Banco do Nordeste.

Serão homenageadas 11 figuras histórias e marcantes da enchente de 1981, quando neste ano são lembrados os 40 anos desse fatídico acontecimento em nossa cidade. Serão homenageados (in memoriam), com a presença de seus familiares: O ex-pároco da cidade, Monsenhor Raimundo Gomes Barbosa; o ex-prefeito da época e que dá nome a Comenda, Hildebrando Teixeira de Souza; Armando Palhares de Lima, que faleceu no dia da enchente enquanto ajudava as vítimas da tragédia; o presidente da Câmara em 1981, Geraldo Bezerra da Fonseca; o ex-governador Lavoisier Maia Sobrinho; o ex-ministro do antigo Ministério do Interior da época, Mário David Andreazza; o chefe da Casa Civil do Estado, o ex-governador e filho da terra, Iberê Paiva Ferreira de Souza; e a compositora do hino de Nossa Senhora das Graças, padroeira do Conjunto Cônego Monte, Maria Maristela da Silveira Bezerra.

Ainda serão homenageados: a telefonista Maria de Fatima da Silva, que através de sua ação em avisar o rompimento da parede do açude de Campo Redondo, salvou a vida dos santa-cruzenses; Fábio José Costa de Farias, que registrou as cenas da lastimável situação que se encontrava parte da cidade após a enchente; e a ex-deputada estadual Ana Maria de Farias, que colaborou com Santa Cruz naquele momento tão difícil.

Ao final das homenagens, um show vai comemorar o reencontro das famílias santa-cruzenses, com animação de Alvimar Farias e Karla Patrícia, marcando assim os 145 anos do município.

Por assessoria


m4net

Programação de aniversário da emancipação política de Santa Cruz foi aberta nesta quarta-feira (1º)

O prefeito Ivanildinho deu a largada para uma programação especial em comemoração aos 145 anos de emancipação política de Santa Cruz. O evento de abertura aconteceu nesta quarta-feira (1º), com o Concerto da Anunciação Natalina, animado pela Banda de Música da cidade, que emocionou a todo o púbico que prestigiou a primeira noite do mês natalino.

As luzes da iluminação natalina foram acionadas pelo prefeito, além da queima de fogos saudando a chegada do mês do Natal e da Emancipação Política da cidade.

PRIMEIRA COMEMORAÇÃO APÓS A CORREÇÃO

Esta programação é histórica, pois ela comemora o aniversário da emancipação política da cidade na sua data correta, 11 de dezembro. O prefeito Ivanildinho, através de uma lei municipal, confirmou a correção da data em 2019, mas com a pandemia do coronavírus não foi possível realizar a primeira comemoração na data oficial, em 2020.

As comemorações da emancipação são combinadas com a programação natalina, que contam com concertos, apresentação de corais e outros eventos para saudar a chegada do Menino Jesus.


senhoritta

Santa Cruz comemora aniversário de 145 anos com uma grande programação

A Prefeitura Municipal de Santa Cruz preparou a maior programação festiva da história do município para comemorar o aniversário de emancipação política. A data em que Santa Cruz se tornou município foi em 11 de dezembro de 1876, mas o prefeito Ivanildinho definiu que as comemorações devem começar já no próximo dia 1º de dezembro, com o Concerto da Anunciação Natalina, que vai acender o projeto da iluminação de final de ano em toda a cidade, principalmente nas praças públicas e monumentos.

“Com essa programação especial esperamos reavivar no coração dos santa-cruzenses sentimentos de paz, amor e esperança, principalmente após as fases mais duras dessa pandemia de quase dois anos. Queremos festejar o orgulho de ser santa-cruzense”, disse o gestor municipal, que continua reunido com sua equipe para planejar todos os eventos da programação.

Com o Concerto Anunciação Natalina a programação será aberta, mas os eventos seguem até o dia 23 de dezembro, com o tradicional Concerto Natalino, na Praça da Bíblia, fechando a programação e emocionando a população com as canções executadas pela Banda de Música de Santa Cruz.

Os eventos da programação são variados, com atividades esportivas, parada natalina, eventos culturais, shows e homenagens. Todos os detalhes de cada evento será divulgado nas redes sociais da Prefeitura Municipal e nos veículos de comunicação da cidade.


m4net

Emancipação de Santa Cruz será comemorada com programação especial

Santa Cruz vai comemorar sua Emancipação Política, no aniversário de 145 anos, com uma programação especial de 1° a 23 de dezembro. Na lista tem eventos culturais, momentos esportivos, programação natalina, e um resgate da história de Santa Cruz.

Em breve, a Prefeitura Municipal vai lançar toda a programação detalhada dos eventos.

CORREÇÃO DA DATA

Em 2019, o prefeito Ivanildinho Ferreira fez uma correção da data comemorada. Por volta dos anos 1980, houve uma confusão entre as datas de 30 de novembro e 11 de dezembro, sendo a primeira referente ao momento que o nome do município foi corrigido de Vila do Trairi para Santa Cruz.

Ivanildinho conferiu ao município a comemoração da data correta, em 11 de dezembro, quando o deputado estadual Ivo Abdias Furtado de Mendonça e Menezes (1831-1900) apresentou na Assembleia Provincial o pedido para criação do município, desmembrando de São José de Mipibu, no ano de 1876.


r87

Hoje não é feriado!

Ué, 30 de novembro não é feriado?

Nunca deveria ter sido, pois um erro na organização dos feriados municipais colocaram o dia em que a cidade mudou de nome oficialmente como a data da emancipação.

Em 1976, no centenário da emancipação política, o Prefeito Zé Rocha preparou uma comemoração especial. Anos depois, a cidade regrediu nas contas e comemorava 80, 90 e 100 anos, como pode isso?

Em 2019, o prefeito Ivanildinho Ferreira corrigiu esse erro histórico, e por meio de um projeto de lei de autoria do gabinete civil, com o auxílio de historiadores e pesquisadores da cidade, enviou ao legislativo a correção da data e confirmou as demais já existentes. Antes, vários decretos autorizavam os feriados, agora é lei municipal.

Em 30 de novembro de 1914, Santa Cruz passava a se chamar de Santa Cruz. Nós documentos oficiais tinha o nome Vila do Trairi, nome oficial desde a emancipação em 1876. Em 1914, um ato político marcou apenas a mudança de um nome que todos já conheciam e usavam, Santa Cruz.

Lembre dessa data de hoje como só mais um ponto na história, mas só comemore o aniversário da cidade em 11 de dezembro, data em que ganhamos autonomia territorial e administrativa.

Definitivamente, hoje não é feriado!


r87

Prefeitura festeja 60 anos de emancipação de Tangará

A antiga “Estação de Riacho” se transformou ao longo de muitos anos, e hoje carrega o nome de Tangará, um pássaro “dançarino” entre as mais de 500 espécies da Mata Atlântica. Nome colocado pelo seu líder histórico, o Major Theodorico Bezerra.

O passo a passo para criação do município começa com a condição de distrito, alcançado no início da década de 1950. Em 31 de dezembro de 1958, Tangará é desmembrada de Santa Cruz, e consegue sua autonomia administrativa e política, e instalado município em 28 de janeiro de 1959.

Esses 60 anos de emancipação foram lembrados neste sábado, 29 de dezembro, numa vasta programação cultural realizada no final desde mês de dezembro. A cerimônia oficial do aniversário ocorreu na sede da Prefeitura, com discursos e muito bolo. Além do prefeito Jorginho Bezerra, vereadores e lideranças, Tangará recebeu seu filho-deputado, Ubaldo Fernandes.

Um painel foi pintado na sede da Prefeitura Municipal, que décadas atrás abrigou o Banco do Estado do RN (BANDERN). Confira as fotos que o blog registrou:


contex

Show de Vicente Nery encerra programação de Emancipação Política de Campo Redondo

A cidade de Campo Redondo celebrou seus 55 anos com uma extensa programação que começou ainda no início da semana passada. Nesta segunda-feira (26) aconteceu o grande encerramento com shows dos cantores Vicente Nery, Henry Freitas e Kamarguinho, reunindo milhares de pessoas em praça pública. Antes uma missa em ação de graças foi celebrada pelo padre José Manuel, na Matriz de Nossa Senhora de Lourdes, com a presença do prefeito Alessandru Alves (PROS), vice-prefeita Silvania Karla (PROS), vereadores e a comunidade.

Visitantes do Trairi e Seridó compareceram ao Show do cantor Vicente Nery, que cantou seus grandes sucessos e agradou quem esteve em Campo Redondo. Com a economia aquecida, dezenas de vendedores ambulantes puderam ganhar uma renda extra com o evento. “Agradeço a todos que participaram da nossa programação. Foram muitas as atividades, esportivas, sociais, culturais. Agradecemos a Deus com músicas e celebrações e nos confraternizamos com a juventude e as famílias em grandes shows na praça de eventos. Muito obrigado a todos que vestiram a camisa de Campo Redondo e fizeram nossa emancipação acontecer”, contou o prefeito Alessandru.


senhoritta

Mais uma emancipação em silêncio

Hoje, 11 de dezembro, Santa Cruz fecha a data de 140 anos de emancipação política. Na mesma data em 1876, o distrito foi desmembrado de São José de Mipibu, através da lei provincial nº 777.

Mais um ano em que o município esquece essa data tão importante. Um marco histórico da luta política, que chega aos 140 anos e passa em branco.

Comemora-se o aniversário de elevação de Vila à Cidade, e deixam no esquecimento a independência, soberania e autonomia do território santacruzense.

Fica aqui registrado o nosso desprezo para tal tratamento com nossa história, e também nossos parabéns para a nossa terra de Santa Cruz.


m4net